Mais Blog

Os maiores segredos da produção de texto: tudo o que você precisa saber para transformar seus leitores em fãs apaixonados

banner-producao-de-texto

O que você sente quando senta diante da tela em branco do seu computador para focar na produção de texto?

  • Inspiração para escrever o melhor artigo de sua vida?
  • Motivação para produzir conteúdo de qualidade para seus leitores?
  • Ou ansiedade por não saber por onde começar?

Muitas vezes a produção de texto do completo zero pode parecer assustadora até mesmo para quem já possui uma vasta experiência no assunto.

Uma página em branco é realmente uma parede caiada sem nenhuma porta ou janela. – Amoz Oz

O processo de produção de texto acontece em um momento quase solitário, somente com suas ideias, sua criatividade e suas habilidades. E mais nada…

E no meio desse processo, muitas dúvidas surgem:

  • Será que meu público está realmente interessado em ler sobre o assunto que pretendo escrever?
  • Será que meu conteúdo alcançará a audiência esperada?
  • Será que os leitores irão amar ou odiar o meu texto?

Escrever nunca foi nem nunca será uma tarefa fácil.

Talvez essa dificuldade esteja ligada ao fato de que, quando damos início a uma produção textual, revelamos um pouco de nós mesmos, permitindo que o leitor conheça um pouco mais de nossa personalidade, nossos medos e desejos.

E ao mesmo tempo é a maneira que temos de conversar, nos conectar a quem está do outro lado da tela e escolheu investir minutos ou horas preciosas lendo o fruto de nossa criatividade.

Se você é apaixonado por escrever e deseja levar sua produção textual ao nível memorável para transformar leitores em fãs, não deixe de ler esse artigo.

Continue lendo para saber mais sobre:

Gostou do assunto? Então compartilhe esse post com seus amigos e vamos juntos elevar o nível de qualidade dos textos publicados na internet.

São apenas dois cliques e não leva mais do que 10 segundos.

Uma simples fórmula (5Ps) para planejar seu conteúdo

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(2)

Não importa se você está iniciando suas atividades de produção de texto agora ou se já tem muita experiência no assunto.

A indicação é sempre usar estratégias para impulsionar a qualidade do seu conteúdo.

Quando falamos em “estratégia de conteúdo” não estamos fazendo referência somente à produção textual pura e simples.

A Organização Internacional “The Content Strategy Alliance”, define a estratégia de conteúdo como:

Fazer o conteúdo certo, para o leitor certo, na hora certa e através de um plano estratégico de criação, entrega e administração do mesmo.

1. Planejamento

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(3)

O sucesso não acontece da noite para o dia.

É preciso pelo menos uma pequena preparação para chegar do ponto A ao ponto B.

E não seria diferente quando falamos de atividades de produção de texto.

Portanto, antes de começar a escrever uma linha sequer, pense nas respostas para essas perguntas:

  • Você conhece bem o público que irá ler seus textos? Quais suas dores, medos e desejos?
  • Seu texto traz as respostas que seus leitores precisam?
  • O formato e a linguagem são adequados para a comunicação com essas pessoas?
  • O texto deve usar liguagem formal ou informal?
  • O que seu texto traz de diferente dos demais que tratam do mesmo assunto?

Caso você ainda não tenha uma ideia clara do que seu público deseja, faça uma pesquisa no Google Keyword Planner por palavras chave relacionadas ao tema do seu texto.

É uma ótima maneira de descobrir se há demanda pelo assunto.

Também é parte importante do planejamento de produção de texto a definição do objetivo do seu conteúdo.

Os 3 métodos do Viver de Blog mais utilizados são:

  • Rankeamento orgânico: geralmente são textos explicativos e visam ocupar posições de destaque no ranking Google e outros buscadores. É a estratégia mais indicada para quem está começando
  • Viralização nas redes sociais: tem como objetivo conseguir o maior número de compartilhamentos. Muitas vezes é alcançado quando tratamos de um assunto que divide o público em duas partes, com opiniões contrárias. (conheça nosso infográfico sobre marketing viral)
  • Super história pessoal: a aproximação com seu leitor é o maior benefício desse tipo de artigo.

Já definidos o assunto e tipo de texto, é hora de partir para a etapa seguinte: pesquisa.

2. Pesquisa

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(4)

Por mais que você seja especialista em um assunto, acredite, há muita coisa que pode passar despercebida do seu radar.

Portanto, antes de começar a produção do texto em si, recomendo fortemente uma breve pesquisa pelos conteúdos mais bem rankeados em alguns lugares:

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(5)

Faça a busca pelos primeiros 10 resultados para a palavra chave do seu texto.

Sempre utilizando a Guia Anônima do seu navegador, para não influenciar os resultados.

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(6)

Conteúdos em vídeo podem ser ótimas inspirações para atividades produção de texto.

Analise os 5 primeiros resultados, no máximo.

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(7)

Nem sempre conseguimos a inspiração necessária somente de textos.

Imagens e infográficos podem nos ajudar na hora de criar.

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(8)

Descubra o que os textos mais compartilhados na internet sobre o mesmo assunto têm em comum e anote as características mais interessantes.

Também não deixe de procurar por outros artigos relacionados sobre o assunto, inclusive em inglês, já que há excelentes materiais publicados nessa língua.

Feitas a pesquisa e análise, anote os pontos positivos e negativos de todo material encontrado.

E com essas informações já é possível seguir para a etapa seguinte: a produção do texto.

3. Produção

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(9)

Depois de reunir tantas informações através da pesquisa, é normal ficarmos confusos no meio de uma grande quantidade de conteúdo.

Organizar as ideias antes de produzir o texto é essencial para montar o esqueleto do artigo com os mapas mentais.

Mapa mental

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(10)

Através de elementos visuais e uso de cores diferentes, fica fácil montar a estrutura do seu texto, definindo a hierarquia de tópicos e subtópicos com maior facilidade.

Costumo usar o MindNode, mas também sugiro o MindMeister ou o Xmind para a criação de mapas mentais.

Ensino como fazer Mapas Mentais em 7 Simples Passos no vídeo aqui abaixo. Clique e confira:

https://www.youtube.com/watch?v=CZwMOdN5hyY&list=PL8TlUw_uDauli-h9ijgV8FcG7E3_gRS4u&index=9&t=2s

Hierarquia de conteúdo

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(11)

Um conteúdo organizado e dividido em tópicos e subtópicos facilita muito a leitura pois dão um ponto de entrada no texto para o leitor.

Fica mais fácil visualizar rapidamente as partes do conteúdo que mais interessam para uma leitura aprofundada.

Usualmente dividimos os artigos em hierarquias que vão de H1 a H6 (Headlines), sendo H1 a mais importante, o título, H2 seria o subtítulo e H3 os subtítulos dentro da categoria H2.

Formatação ideal para textos na internet

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(12)

Raramente pessoas leem palavra por palavra na internet.

Esta pesquisa realizada pela Nilsen Norman Group atestou que o comportamento usual de 79% dos usuários é escanear a página à procura de palavras ou sentenças.

E para chamar a atenção desse leitor, alguns recursos podem ser utilizados:

  • Subtítulos chamativos e principalmente com significado relevante
  • Palavras em destaque, usando negrito
  • Parágrafos curtos, com apenas uma ideia em cada um deles
  • Uso de listas (bullets) aumentam as chances de leitura em até 300%
  • Usuários web gastam 69% do tempo olhando para a parte esquerda da página contra 30% na parte direita. Nem preciso dizer para que lado seu texto deve estar alinhado e onde colocar as informações mais importantes do seu site.
  • Escrever números como “quarenta e sete” não funciona tão bem quando usar sua versão de numeral “47“para textos web, de acordo com estudos de Eye-tracking
  • Credibilidade e autoridade de quem escreve o artigo: esse item pode ser melhorado com o uso de gráficos e texto de qualidade, além de links para outros sites sobre o mesmo assunto

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(13)

Ainda no estudo da Nielsen, alguns testes foram realizados com diferentes formatações de texto em um site.

Em alguns casos o texto era:

  1. Era muito objetivo
  2. Era totalmente escaneável
  3. Tinha metade das palavras utilizadas nos outros textos

E qual se saiu melhor?

Os três tiveram bons resultados, variando de 27% a 58% no aumento da taxa de leitura.

Mas o último teste, onde o texto em questão reunia todos esses elementos, demonstrou uma melhora no índice de leitura de 124%.

Realmente impressionante: Escrever é a arte de cortar palavras.

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(14)

Essa constatação pode parecer contraditória aos dados que relatamos acima, mas conteúdos longos costumam performar melhor na internet.

Além dos usuários reconhecerem que um texto longo tem maior valor por demorar mais a ser feito, o Google tende a indexar melhor conteúdos com mais de 2 mil palavras.

E por quê?

Em um conteúdo mais extenso, obrigatoriamente usamos mais variações da palavra-chave principal.

O Google não procura apenas por palavras chave exatas, mas também por palavras relacionadas e de cauda longa, as long tail keywords.

Por último, conteúdos com média de 1500 palavras são mais compartilhados nas redes sociais.

Se você quiser conhecer melhor as vantagens dos conteúdos longos, leia este nosso artigo sobre como escrever um artigo “perfeito”.

O elemento mais importante da produção de texto: o título

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(15)

Você passou horas e horas produzindo um artigo fantástico.

Planejou, identificou as dores do seu público, pesquisou palavras chaves e conteúdos de referência e terminou com possivelmente um dos melhores conteúdos já escritos sobre o tema.

No entanto ao publicar se surpreende pelo baixo interesse demonstrado pelas pessoas e pensa: “o que pode ter acontecido?”

A verdade é que, de nada adianta ter o melhor texto já escrito se o título não chama atenção para o clique. Simples assim.

As estatísticas são cruéis:

  • Oito em cada 10 pessoas vão ler seu título.
  • Duas em cada 10 pessoas vão ler o restante do seu artigo.

O segredo é dedicar tanto tempo ou mais para título do que você faria para o conteúdo.

Para cada artigo que publicamos no Viver de Blog, fazemos um brainstorming com uma média de 25 sugestões de títulos antes de escolher o vencedor.

E em alguns casos selecionamos os cinco melhores títulos e fazemos testes A/B para identificar quais são os mais clicados antes de fazer a escolha final.

Agora que você reconhece a importância da construção de títulos, leia esse artigo sobre “Como escrever títulos impossíveis de serem ignorados e que são clicados – O guia absolutamente completo e saiba como virar expert no assunto.

Introdução poderosa: o incentivo para ir além

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(20)

Parabéns, você conseguiu atrair a atenção do seu leitor com um título impossível de ser ignorado e ele decidiu clicar para ler seu texto.

Ninguém duvida da força de um título, mas sem um conteúdo que o sustente, seu trabalho terá sido em vão.

A cada passo do seu texto é preciso continuar dando razões para que o leitor não desista no meio do caminho.

A introdução do seu texto é a arma perfeita para chamar atenção, abrir um loop de questões que só será fechado ao final do artigo.

Também serve para dar uma ideia do que está por vir mas sem entregar todas as respostas.
banner-producao-de-texto

4. Problema

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(17)

Por mais que a produção de texto seja uma atividade apaixonante, ela pode vir acompanhada de pequenos problemas.

O primeiro deles é a incerteza da reação dos seus leitores.

Por mais que você faça uma pesquisa aprofundada de palavras-chave, de temas e até mesmo pergunte a opinião da sua audiência, a verdade é que nunca será possível antecipar se seu novo texto irá agradar em cheio ou será um fracasso de bilheteria.

E mesmo que a maior parte do seu público fiquei satisfeita com seu novo trabalho é preciso estar preparado para alguma opinião mais hostil ou extremamente crítica.

Para evitar as críticas, faça nada, diga nada, seja nada. – Elbert Hubbard

Procure entender que ao se expor, as críticas serão parte do seu trabalho.

Aprenda a usá-las a seu favor de maneira construtiva. Sempre tire uma lição para fazer melhor ainda em seu próximo texto.

5. Propagação

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(18)

Os produtores de conteúdo para internet precisam entender que o trabalho não acaba quando o texto está escrito, revisado e publicado.

Na verdade só começa a segunda etapa do trabalho: a divulgação do conteúdo.

Afinal você não quer que seu excelente texto seja lido somente por sua mãe, não é?

Alguns dos canais mais utilizados e eficientes para aumentar o alcance do seu trabalho são:

Email

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(19)

Qual o público mais interessado em ler seus novos textos do que aquele que se cadastrou em sua lista de emails para receber as novidades?

Crie uma campanha a cada artigo novo e avise sua lista. Se ainda não tem uma, descubra como começar aqui.

Redes Sociais

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(21)

Outro lugar que você achará um público mais propenso a consumir seus textos é nas suas próprias redes sociais.

Facebook, Instagram, Twitter, Google Plus, YouTube e quaisquer outras que forem relevantes para sua audiência.

Além de divulgar em suas próprias contas, comunidades do Facebook e perfis do Twitter que tratam do mesmo assunto que seu texto também são ótimos lugares.

Só use o bom senso para não ser considerado spam.

Comentários em blogs

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(22)

A divulgação neste canal é feita através de um comentário relevante, que provoca reflexões e acrescenta informações e não apenas um link para seu artigo.

Fóruns

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(23)

Caso encontre dúvidas de usuários em algum fórum, como o Yahoo Respostas e você saiba a resposta ou que até mesmo seu texto seja o que a pessoa precisa, porque não deixar um link?

Mas lembre-se: seja relevante e procure ajudar de verdade.

Guests Posts

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(24)

Gostamos muito dessa estratégia de divulgação no Viver de Blog

Funciona muito bem para gerar autoridade com um público que pode não conhecer seus textos ainda.

Posts antigos

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(25)

Essa modalidade de divulgação de textos quase não dá trabalho.

Coloque um link do seu novo artigo em seus posts antigos relacionados.

Além disso é uma excelente maneira de melhorar o SEO interno do blog.

Para conhecer outras fontes de divulgação leia no artigo ” Como divulgar seu blog, site ou empresa: 18 ideias testadas e aprovadas para alcançar mais pessoas”.

Não subestime a importância do Calendário Editorial para organizar conteúdos

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(26)

Como vimos anteriormente, o planejamento pode ser o divisor de águas entre um conteúdo de qualidade e textos destinados ao esquecimento.

Muitos blogs falham em um quesito essencial, especialmente para quem está no começo: a frequência de publicações.

Imagine a frustação do leitor daquele blog que publica 5 artigos em um mês e fica outros 5 meses sem produzir um texto sequer?

Nem preciso dizer que se você fizer isso, seu público sairá correndo e nunca mais voltará.

No entanto, esse é um problema que pode ser resolvido com um pouco de organização e planejamento através da elaboração de um calendário editorial.

Por que você deve fazer o calendário editorial do seu blog para ontem

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(27)

Acredito que você tenha muitas ideias de conteúdos futuros para seu blog.

Mas todas elas estão anotadas de forma estruturada?

Uma maneira simples de ver suas ideias virando realidade é colocar seus planos no “papel”.

Um conteúdo planejado, feito para um público alvo específico e frequente certamente aumentará o tráfego do seu blog.

Você deixa de fazer a produção de textos de forma aleatória e pautada na intuição para executar um plano baseado em números e dados concretos.

Além disso, pense na quantidade de tempo e energia que serão perdidos se você tiver que pensar em qual assunto vai escrever toda semana ou até mesmo todo dia.

O melhor de tudo é que com essa economia de tempo você acaba com mais horas para fazer aquilo que realmente importa: investir na produção de textos memoráveis!

Conheça algumas ferramentas para produção do seu Calendário Editorial

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(28)

Uma boa maneira de começar a desenhar um planejamento editorial alinhado com seus objetivos é se inspirar em calendários feitos por outros sites ou pessoas e ajustar para as suas necessidades.

Existem inúmeras ferramentas digitais disponíveis no mercado para a criação de um calendário editorial eficiente, como:

  • Google Calendar: apesar de não ser uma ferramenta específica para essa função, é gratuita e permite que você personalize o seu próprio Calendário Editorial de forma fácil e rápida.
  • Trello: além de ser uma excelente ferramenta para quem gosta de trabalhar com a metodologia “Scrum” ou “Kanban“, é possível usar a função gratuita “Calendário” para organizar suas atividades em formato Agenda.
  • Editorial Calendar: esse plugin para WordPress permite que você visualize todas suas postagens agendadas, use a função drag and drop para mudar datas das postagens e faça uma edição rápida de títulos e conteúdos.
  • CoSchedule: o plugin para WordPress pago permite não só o planejamento de seus artigos mas também agendar postagens para redes sociais e designar tarefas específicas para membros da equipe.
  • Content Tools: o download dessa ferramenta pode ser feito gratuitamente no site da Content Tools e é uma ótima alternativa para produção do calendário de conteúdo do seu blog/site.
  • Rock Content: outra opção gratuita e que pode ser usada offline.

Como montar um Calendário Editorial que funciona

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(29)

Um calendário eficiente não inclui apenas o tema ou título dos artigos a serem publicados e as datas em que essa publicação acontecerá.

É preciso ir um pouco mais além.

Seu calendário faz parte de sua estratégia de marketing de conteúdo.

O que significa que primeiro é preciso entender quem é sua audiência, o que a faz voltar a seu site e quais assuntos que mais a interessam.

Feito isso, alguns outros aspectos importantes não podem ser ignorados:

  • Título do artigo
  • Data em que será públicado
  • Palavra-chave
  • Call to action
  • Quem será o responsável
  • Qual será a frequência das postagens
  • Planejamento da divulgação do artigo

Outros fatores que ajudarão seu Calendário Editorial:

  • Seja realista com relação a seus objetivos: pense grande, mas execute pequeno
  • Trace uma frequência que você consiga manter e não saia dela.
  • Leve em consideração grandes feriados e finais de semana ao escolher as datas de suas publicações.
  • Priorize projetos: saiba quais conteúdos não podem sofrer atrasos na publicação (como conteúdos de lançamentos, por exemplo) e quais são mais maleáveis

Aqui no Viver de Blog fazemos o planejamento trimestral do nosso conteúdo.

Por enquanto preferimos não planejar períodos mais longos pois as prioridades de longo prazo podem sofrer alterações.

Aliás, não tenha medo de ter que fazer uma mudança ou outra em seu planejamento, pois sabemos que nossa expectativa de mundo ideal nem sempre acontece no real.

No entanto, isso não significa que você deve ignorar aquilo que foi cuidadosamente planejado por meses, mas sim que as prioridades podem mudar por muitos motivos e é preciso ser adaptável para conseguir um blog bem sucedido.

E além disso tudo, o Calendário Editorial ajudará a evitar o fantasma que assombra a vida de quem trabalha com produção textual: o bloqueio criativo.

Como vencer o bloqueio criativo todo santo dia

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(30)

Quem trabalha com produção de textos já passou, pelo menos uma vez, pela situação de completo vazio de ideias.

Aquele dia que você encara sua tela em branco e nada parece fluir da maneira que deveria.

E no meio disso, a pressão para a entrega do material também não ajuda em nada nesse processo criativo.

O bloqueio de escritor é meramente uma confusão entre dois estados mentais: o estado de Fluxo, no qual você produz novo texto, e o estado de Edição, no qual você avalia e aperfeiçoa o que escreveu- Steven Barnes

A grande maioria dos produtores de texto teme o bloqueio criativo.

E nem sempre o bloqueio acontece por falta de ideias.

Muitas vezes é justamente o excesso delas que confunde a cabeça do escritor.

Apesar da conotação negativa, essa paralização no processo de produção textual pode, em determinados momentos, ser positiva. Quer saber como?

Mais que improvável: o lado positivo do Bloqueio Criativo

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(31)

Boa parte das pessoas com perfil criativo também são essencialmente autocríticas.

E se tem algo que ninguém dúvida é o quanto o exagero de zelo com o próprio trabalho pode bloquear a criatividade, uma atividade que exige pensamentos fluídos e livres de julgamento.

E como isso pode ser bom?

Significa apenas que você sabe que pode fazer melhor, mas ainda não achou a solução naquele momento.

O bloqueio criativo pode ser uma excelente oportunidade de parar por um momento e voltar mais tarde com ideias ainda mais fantásticas que certamente vão elevar o nível do seu trabalho final.

10 maneiras de ser criativo mesmo no meio de um bloqueio

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(32)

  1. Brainstorming: deixar as ideiais fluírem sem julgar se são boas ou ruins. Deixe a triagem para um segundo momento.
  2. Escrever sobre o próprio bloqueio: pode ser útil colocar seus aflições por escrito para entender o porquê da interrupção do fluxo de ideias.
  3. Anote tudo sobre o bloqueio e identifique se há um padrão de atividades que podem estar acionando o gatilho.
  4. Procure inspiração no conteúdo de outras pessoas.
  5. Mude o ambiente: desligue o computador, saia da sua mesa e procure fazer outra atividade em outro lugar, nem que por breves minutos.
  6. Converse com outras pessoas e peça opiniões sobre o assunto que você está escrevendo.
  7. Reduza suas expectativas com relação ao seu texto. Deixe as ideias fluirem mais soltas.
  8. Medite por alguns minutos.
  9. Alterne estímulos: ouça música, podcasts, leia livros, assista um filme e tudo isso, de preferência, sobre assuntos completamente diferentes do que você está escrevendo.
  10. Durma: muitas vezes seu bloqueio pode estar sendo ocasionado pelo cansaço.

Está curtindo esse artigo? Então coloque seu email abaixo e junte-se a vários leitores inteligentes do Viver de Blog e ser o primeiro a receber novos conteúdos memoráveis.

Fique atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Onde encontrar inspiração para produção de textos

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(33)

Durante um bloqueio criativo, a pior atitude é “forçar” a criação. Simplesmente não acontece.

Ao invés disso, uma boa solução para trazer ideias para conteúdos futuros está na fonte mais confiável que existe: sua audiência.

Ouvir o que seu público deseja não deve ser feito somente durante um momento de branco, mas sempre que possível.

Procure por dúvidas, sugestões e críticas nos comentários do seu blog ou site.

Emails com o mesmo tipo de conteúdo também são ótimas fontes de inspiração.

Caso você ainda não possua uma audiência significativa pode procurar ideias nos comentários de outros blogs do mesmo nicho.

Uma ótima oportunidade para você solucionar questões que estão sendo completamente ignoradas por seus concorrentes.

Como produzir mais textos e com mais qualidade

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(34)

Qual o segredo dos produtores de texto que conseguem escrever de 6 a 10 mil palavras por semana?

O segredo é que não existe segredo.

Uma dos itens que mais nos impedem de realizar aquilo que gostaríamos são as distrações.

Especialmente para quem trabalha em casa, elas podem ser muitas:

  • Redes Sociais
  • Emails
  • Notificações do celular
  • Falta de horários definidos de trabalho
  • Procrastinação
  • Ausência de metas definidas
  • Falta de organização

Comece a tirar aquilo que te impede de manter uma alta produtividade e foque na atividade mais importante: a produção de texto

Outras dicas preciosas sobre produtividade você encontra nesse artigo.

7 erros comuns na produção de textos para web e como evitá-los

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(35)

Entender lacunas ou pontos cegos em nosso pensamento ou no processo de produção de texto para web é essencial.

Seja você um(a) blogueiro(a) iniciante ou já profissional, você está propenso(a) a cometer erros.

A diferença entre o seu nível de excelência está na capacidade em entender e aplicar as boas práticas básicas.

O iniciante ainda não domina o nível básico e comete erros bobos que podem ser facilmente evitados com um pouco estudo.

Conheça os 7 erros comuns na criação de texto online e saiba como evitá-los.

1. Ignorar o uso de palavras-chave

Produção de Texto (38)

A maior parte do tráfego do Viver de Blog, algo em torno de 60%, vem do Google, de forma totalmente orgânica.

E isso se deve à estratégia de produzir conteúdos memoráveis e investir nas estratégias de SEO.

Mas não é só isso.

Para que seu texto seja encontrado pelos leitores é preciso escolher a principal palavra chave.

Essa será a mais importante e deve estar presente em elementos do texto como título, slug, meta-descrição, subtítulos, imagens e no corpo do texto em si.

Apesar de ser de extrema importância, responsável por trazer bastante tráfego orgânico, muitos blogueiros iniciantes esquecem deste item ao focarem na produção textual.

A pesquisa de palavras-chave é um processo que envolve algumas etapas. Você pode conferir um passo a passo aqui.

2. Escrever para os robôs do Google e não para pessoas

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(36)

Alguns ignoram as palavras-chave no seu texto e outros simplesmente não conseguem deixar de usá-las a cada frase do artigo.

Muito mais importante do que ter uma alta densidade de uso da palavra-chave em seu texto é fazer com que a leitura seja agradável para quem está do outro lado da tela.

O Google reconhece esse tipo de artimanha e pune os sites que não oferecem uma boa experiência ao usuário.

E se você quiser aprender mais so bre SEO e atrair tráfego orgânico para seu blog ou site, através dos mecanismos de busca, sugiro a leitura do artigo ” O que é SEO: o guia básico para iniciantes na arte de rankear conteúdos épicos.”

3. Blocos gigantes de texto

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(37)

Já discutimos anteriormente que vários estudos comprovam que leitores de texto na internet não se concentram em ler cada palavra, mas sim varrem o conteúdo em busca de informações que lhe despertem a curiosidade.

Portanto, grandes blocos de textos não facilitam em nada essa atividade de leitura.

Separar o artigo em tópicos e subtópicos relevantes (H1, H2, H3) parágrafos curtos, de no máximo 5 linhas, usar negrito para destacar pontos importantes e fazer uso de listas e blockquodes são boas práticas para textos de blogs e sites.

4. Excesso de artifícios para chamar a atenção do leitor

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(38)

No desespero de prender a atenção de quem está lendo o texto, muitos blogs e sites caem em um erro ainda maior e abusam de palavras em CAIXA ALTA, negrito, itálico, cores chamativas e outros elementos visuais.

Letras maiúsculas devem ser usadas com muita cautela pois indicam que você está GRITANDO na internet.

O itálico costuma ser utilizado para palavras estrangeiras, e de preferência aquelas que não estão inseridas com naturalidade em nosso vocabulário.

O negrito é um ótimo artifício para chamar atenção de pontos importantes no texto, como algumas palavras ou sentenças curtas.

5. Fazer um título cheio de promessas e um conteúdo que não cumpre nenhuma

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(39)

Ao longo deste artigo, reforcei inúmeras vezes a importância que devemos dar à elaboração dos títulos.

Eles são o primeiro contato com seu texto e se o leitor falhar em abrir, tudo estará perdido.

Mas de nada adianta criar um título que é impossível de ser ignorado, cheio de promessas, soluções de problemas ou ideias mirabolantes se seu conteúdo não vai entregar nada disso.

A única coisa que você conseguirá dessa maneira é gerar uma tremenda frustação em quem insistiu em ler até o final ou uma enorme taxa de rejeição pelo seu conteúdo fraco.

6. Entregar o segredo logo no começo do texto

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(40)

É de extrema importância, para atrair a atenção do leitor, deixar claro tanto no título, quanto na introdução, o que ele encontrará naquele artigo.

Não é preciso fazer mistério.

No entanto, isso não significa que todas as perguntas geradas na introdução devem ser respondidas lá mesmo.

Faça com que seu leitor sinta a necessidade de ler um parágrafo atrás do outro para descobrir todas as respostas.

Crie um “loop” emocional que será fechado na conclusão do texto, levando assim o leitor a fazer a jornada junto com você.

7. Não fazer uma revisão adequada

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(41)

Durante qualquer processo de produção de texto, pequenos erros de ortografia e digitação são comuns.

Mas isso não os torna aceitáveis.

Acredite, seu público vai perceber e pode até mesmo desistir de continuar a leitura. Principalmente se os erros forem graves.

Escreva bêbado, revise sóbrio. – Ernest Hemingway

Uma boa prática de revisão, é deixar para fazê-la em outro momento. Deixe seu artigo “descansar”, se possível de um dia para o outro.

Melhor ainda se outra pessoa puder fazer a revisão também.

Sabemos quais os erros mais cometidos pelos produtores de texto para internet.

Mas como podemos melhorar a qualidade do nosso trabalho para transformarmos nossos leitores em verdadeiros fãs?

Dicas para melhorar sua produção de texto

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(42)

Escrever pode ser uma tarefa difícil, especialmente quando você realmente se preocupa em escrever bem.

“O que é escrito sem esforços geralmente é lido sem prazer.” – Samuel Johnson

Entretanto é uma habilidade a ser adquirida, com algum esforço, como qualquer outra.

Agora você pode estar um pouco cético, afinal, escrever não é um dom, um talento natural, uma paixão que não pode ser ensinada?

Realmente, não é possível ensinar a ter os “genes da escrita”, mas existem, sim, muitas técnicas que podem ser aprendidas e estratégias que você pode usar para realizar uma ótima produção textual.

Uma página em branco, seja de um caderno ou na tela de um computador pode ser muito intimidadora, mas isso acontece por você não saber por onde começar.

Um rascunho é como o traçado de um desenho que você vai colorir, você até pode começar sem ele, mas será muito mais difícil chegar no resultado que você esperava.

Até mesmo o editor de texto escolhido para a missão de escrever um texto memorável, pode influenciar no resultado final. E foi pensando nisso que fiz esse vídeo aqui, para contar qual o meu editor preferido:

https://www.youtube.com/watch?v=J6_2pzOF3vs&index=10&t=7s&list=PL8TlUw_uDauli-h9ijgV8FcG7E3_gRS4u

Importância da leitura para ajudar a escrever melhor

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(43)

Nós aprendemos através de exemplos.

Muitos escritores temem ler enquanto escrevem para não serem influenciados pelas obras que estão lendo, mas o que poderia ser melhor do que ser influenciado por grandes sucessos?

É a partir da leitura que surge a criação. Não existem produtores que também não sejam leitores.

Buscamos em outros textos inspirações, aprendizado, conteúdo para os nossos próprios textos.

Como a maioria, talvez todos os escritores, eu aprendi a escrever escrevendo, e lendo. – Francine Prose

Quando você acompanha o trabalho de alguém notável na área, ele irá influenciar o que você vai produzir, pois você terá um material para se basear.

Qual a estrutura que os grandes autores usam?

Você não precisa fazer uma análise detalhada, mas ter uma ideia de que tipo de emoções são trabalhadas em cada área, como as ideias são apresentadas e se existe alguma técnica específica.

A leitura de textos ou livros em geral também é muito benéfica.

Lembra de todas aquelas regras gramaticais que podem ser difíceis de aprender?

Quanto mais você lê e vê elas em uso, mais natural vai ficar lembrar de cada uma.

Também fica mais fácil reconhecer um trecho que possa ter ficado “esquisito”, porque você já está acostumado a uma leitura mais fluida.

Já teve dificuldade para escolher sinônimos? Palavras para conectar uma frase ou ideia com outra?

Na leitura você tem muitos exemplos constantemente que podem te ajudar.

Todas as entradas para a leitura são válidas, o que importa é entrar.

banner-producao-de-texto

8 dicas de produção de texto que você não pode ignorar

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(44)

A qualidade da produção de texto é o grande segredo para conquistar cada vez mais leitores engajados.

E como conseguimos fazer isso?

1. Use palavras simples de entender

Palavras técnicas ou jargões dificultam passar a mensagem que você precisa.

Escrever não é usar palavras difíceis pra impressionar. É usar palavras simples de uma forma impressionante. – Sierra Bailey

Lembre que seu foco deve ser transmitir a informação, e a forma mais eficiente para isso é usar palavras fáceis de compreender.

Quase todos os termos complicados tem um equivalente mais simples para ser usado.

O mesmo princípio vale para palavras longas. Não as use de houver uma palavra curta que possa cumprir a função.

2. Olhe para o seu texto de forma crítica.

Muitas vezes cortar um parágrafo pode aumentar muito a qualidade do seu conteúdo.

Revise e altere trechos desnecessários ou confusos.

Quando você lê novamente um  artigo longo (acima de 2000 palavras) que escreveu, percebe que alguns trechos não fazem muito sentido ou são desnecessários.

Sempre que encontrar algo confuso no seu texto, trabalhe novamente aquela parte, procure sempre ir direto ao ponto e se expressar de uma forma mais simples.

Retorne ao seu trabalho e o edite:

  • ANTES de publicar
  • DEPOIS de vê-lo online
  • NOVAMENTE na semana seguinte

Assim você garante que o que quer que possa ter passado despercebido seja notado na próxima revisão.

3. Se for possível retirar uma palavra, tire.

Escrever é a arte de cortar palavras”

Depois de terminar seu texto, olhe novamente o que escreveu, tudo que não for essencial para o entendimento da mensagem pode ser eliminado.

Não importa se for uma palavra, frase ou até um parágrafo inteiro, tire.

Se mantenha eficiente, passe a informação de forma clara e objetiva.

4. Antecipe as perguntas que as pessoas podem ter

Quando você cria um produto, serviço ou material, é importante que os usuários sintam-se seguros com as informações.

Você deve solucionar as dúvidas, questionamentos, objeções. Se o leitor ficar com o pensamento “é, mas…”, o seu trabalho estará perdido.

Você precisa antecipar todas as possíveis objeções e respondê-las no seu texto, deixando seu leitor confiante na mensagem que você está passando.

Dica: usar “mesmo que…”é uma ótima forma de vencer objeções, mesmo que você não acredite nisso.

5. Responda as perguntas que as pessoas não pensaram em perguntar.

Matar as objeções é essencial, mas quando você cobre cada detalhe e responde as perguntas que seu público nem pensou em perguntar ainda, você coloca a cereja em cima do bolo.

O seu texto ficará ainda mais claro e completo.

Seus usuários levarão a sensação de que você explicou tudo que havia para ser explicado, e não pode haver melhor fonte de informação do que essa.

6. Clareza e objetividade

Lembre que a forma como você comunica uma informação sempre vai influenciar a informação em si.

Se você precisa passar uma mensagem, passe-a, não fique dando voltas ou sendo redundante.

Quando o leitor não encontra o que procura ele perde o interesse pelo seu texto.

Se pergunte constantemente:

  • Isso está claro?
  • Existe uma maneira mais simples de dizer isso?
  • Existe uma maneira mais curta de dizer isso?
  • Isso é mesmo necessário?

7. Defina seu objetivo.

Antes de escrever qualquer coisa se pergunte:

  • POR QUE eu estou escrevendo isso?
  • QUAL é minha mensagem principal?
  • COM QUEM eu estou falando?
  • COMO eu quero que os leitores me respondam

8. Conte histórias

Nós nos conectamos através de histórias, experiências e emoções compartilhadas.

Um assunto chato pode ganhar vida se estiver dentro do contexto de uma ótima história.

Para fazer uma conexão com o leitor, seja original, mexa com as emoções e crie uma jornada que sua audiência irá percorrer junto com você.

Dessa forma seus leitores poderão se identificar com seus valores e se conectar com como você vê o mundo.

Para aprender mais sobre como escrever bem visite esse nosso artigo.

Fatos e Estatísticas para Tweetar:

  1. (tweet) Uso de listas (bullets) aumentam as chances de leitura em até 300%.
  2. (tweet) Usuários web gastam 69% do tempo olhando para a parte esquerda da página contra 30% na parte direita.
  3. (tweet) Escrever números como “quarenta e sete” não funciona tão bem quando usar sua versão de numeral “47“para textos web, de acordo com estudos de Eye-tracking.
  4. (tweet) O Google tende a indexar melhor conteúdos com mais de 2 mil palavras.
  5. (tweet) Conteúdos com média de 1500 palavras são mais compartilhados nas redes sociais.
  6. (tweet) Não adianta ter o melhor texto já escrito se o título não chama atenção para o clique.
  7. (tweet) Oito em cada 10 pessoas vão ler seu título. Duas em cada 10 pessoas vão ler o restante do seu artigo.
  8. (tweet) Um conteúdo planejado, feito para um público alvo específico e frequente certamente aumentará o tráfego do seu blog.
  9. (tweet) “O bloqueio de escritor é meramente uma confusão entre dois estados mentais: o estado de Fluxo, no qual você produz novo texto, e o estado de Edição, no qual você avalia e aperfeiçoa o que escreveu”- Steven Barnes
  10. (tweet) “O que é escrito sem esforços geralmente é lido sem prazer.” – Samuel Johnson

Concluindo: A produção de textos memoráveis

Os-maiores-segredos-da-produção-de-conteúdo(45)

Ninguém disse que seria fácil aprender sobre a arte da produção de texto.

É um talento que mesmo que se nasça com ele é preciso lapidá-lo. Como um diamante bruto.

É uma habilidade construída com o tempo de prática.

Aqui no Viver de Blog levamos todo o processo de produção de texto muito a sério e acreditamos que esse é o divisor de águas para um blog de sucesso.

Vamos juntos nessa jornada infinita rumo à excelência.

Se você gostou desse artigo e quer ajudar mais pessoas a escreverem textos apaixonantes, clique em algum dos links abaixo para ajudar a divulgá-lo.

E não pare por aqui: Escreva você sua própria história de sucesso!

Você deseja aprender a produzir conteúdos memoráveis 2 vezes mais rápido e com 10 vezes mais poder de viralização e vendas, mesmo que você não tenha o dom da escrita? Conheça o curso de produção de conteúdo do Viver de Blog. Clique aqui embaixo e saiba mais!

 

Conteúdo VIP

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Sobre o autor

vive exclusivamente de blog desde seus 23 anos e quer ajudar você a Viver de Blog também. Saiba mais aqui →

  • Erick Dias

    Olá Henrique, Parabéns pelo texto. É Excelente!

    Você disse :

    “Usuários web gastam 69% do tempo olhando para a parte esquerda da página contra 30% na parte direita. Nem preciso dizer para que lado seu texto deve estar alinhado e onde colocar as informações mais importantes do seu site.”

    Mas no viver de blog o texto fica na parte direita do site, não é?

    Isso é proposital? Você quer que os leitores dêem mais atenção para a sidebar, que fica na esquerda?

    • Oi Erick!

      Muito obrigado pelo comentário.

      Isso é proposital sim, por alguns fatores:
      1. Posicionamento (diferenciação dos demais blogs e sites)
      2. Foco na captura de email (sidebar com áreas para captura de email e página sobre para reforçar conexão do site com autor/equipe)
      3. Visualmente, parece agradar mais, deixando o conteúdo respirar melhor (opinião pessoal).

      Forte Abraço e sucesso!

      • Só para complentar a resposta do Erick …

        … 69% + 30% = 99% …

        … E aquele outro 1% é vagabundo?

        😉

  • Giselle Santana

    DEMAIS! É muito bom ler algo tão claro, estratégico e organizado! É um guia simples e prático para transformar o conteúdo em algo profissional!

    • Wow Giselle… Receber elogio de quem também preza pela extrema qualidade no que faz é muito gratificante. Obrigado por dar uma passada aqui no Viver de Blog. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Genival Costa

    Sinceramente, o artigo é tão bom que não sei nem o que escrever direito para descrever a sensação. rsrs
    Show! Parabéns e obrigado pelo conteúdo de altíssimo valor! Deus te abençoe!

    • Olá Genival!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Marco Antônio Müller

    Parabéns pela perfeita execução do seu trabalho, seu blog é inspirador em todos os sentidos.

    Acompanho o Viver de Blog a bastante tempo e é incrível como ainda consiga melhorar a cada novo artigo, mesmo que pareça impossível. o/

    Grande abraço! E obrigado por compartilhar seu conhecimento.

    • Olá Marco!

      Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂
      E muito obrigado por acompanhar o VDB há tanto tempo! É uma satisfação saber disso!

      Abraços e sucesso.

  • Henriquej9

    Excelente mais uma vez. Vc é o cara! Obrigado pelas preciosas dicas.

    • Opa xará!

      Fico feliz que tenha gostado. Fique à vontade para participar das conversas aqui nos comentários do Viver de Blog, combinado? 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Me pegou pela “dieta da escrita”. rs

    Eu sempre imagino: Caramba, o Henrique já falou tanto sobre produção de conteúdo, será que vai ter alguma novidade?

    E SEMPRE TEM! ” Você não cansa de me surpreender!”

    Parabéns, amor! Aprendo muito com vc, diariamente. 🙂

    Beijos! ????

    • Concordo contigo Cah! Henrique e sua eterna mania de nos supreender com conteúdo de altíssimo nível!

      #SouFã 😀

      • Priss! É uma honra contar com você em nossa equipe memorável. 🙂

    • Obrigado, amor!

      Imaginei que a “dieta da escrita” chamaria sua atenção. 🙂

      A jornada é longa e temos que nos surpreender a cada dia, entregando nosso melhor para criar e administrar um blog e negócio memorável.

      Beijos!

  • Tiago Segala

    Excelente artigo Henrique, mais uma vez parabéns a toda turma do Viver de Blog. Abraços!

    • Opa Tiago!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Thaís Cruz

    Seus artigos me impressionam! Toda vez que recebo e-mail de novos artigos publicados no blog fico ansiosa para ler e não é a toa, são ótimos! Excelente ainda é pouco para descrever! Parabéns!

    • Noossa Thaís!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Uau! Fantástico, tudo reunido em um único artigo. Longo e fácil de ler. Você realmente merece viver de blog. Vou agora mesmo “mexer” no artigo que estou escrevendo. Obrigada pelas super dicas.

    • Olá Zudi!

      Obrigado pelo seu comentário. Fico muito feliz pelo Viver de Blog ajudar na sua jornada. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Excelente! Henrique, seu trabalho ajuda muitas pessoas, que assim como eu, estão procurando visibilidade para seus projetos digitais. Obrigado!

    • Olá Fábio!

      Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Jairo

    Nossa acho que cada artigo seu daria um livro, meu blog sobre importação está só começando, e percebo que tenho um longo caminho pela frente, se quiser pode dar uma olhada, aceito dicas. http://trabalhecomimportacao.com.br/

    • Olá Jairo!

      Obrigado pelo seu comentário. Fico muito feliz pelo Viver de Blog ajudar na sua jornada. 🙂

      Abraços e sucesso com seu blog!

  • É impressionante como, mesmo tratando de assuntoa recorrentes e aumentando a periodocidade, o Biver de Blog sempre traz um conteúdo singular. Dentro e fora da própria plataforma!

    • Opa Cleydson!

      Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Valdinei Lima

    Henrique, já a algum tempo acompanho o teu conteúdo aqui no Viver de blog, e realmente, consigo enxergar além de uma excelente qualidade técnica, muito amor envolvido. Gosto muito de como você consegue segurar os leitores, mesmo em textos com uma quantidade maior de caracteres do que os habituais encontrados em alguns outros blogs. Sucesso !

    • Olá Valdinei!

      Gostei muito do “.. muito amor envolvido”, pois é justamente assim que trabalhamos aqui na Viver de Blog. Está no core, no nosso DNA 🙂

      Muito obrigado por comentar e por contribuir com sua opinião!

      Abraços e sucesso.

  • Junior Medeiros

    Parabéns pelo artigo Henrique. Conheci seu blog a alguns meses e de lá para cá aprendi muito.

    Não consigo parar de ler seus artigos, são como um manual para nós que estamos iniciando.

    Tenho um site sobre saúde e boa forma, você aconselha escrever textos em pequenos blocos assim como você escreve aqui no Viver de Blog?

    • Olá Junior!

      Obrigado pelo seu comentário. Fico muito feliz pelo Viver de Blog ajudar na sua jornada. 🙂

      Escrevendo em blocos você deixa a leitura mais leve e dinâmica, eu gosto muito!

      Abraços e sucesso com seu blog de saúde e boa forma!

  • Olá Henrique! Mais um artigo memorável.

    Sucesso.

    • Opa Cristiano!

      Fico feliz que tenha gostado. Fique à vontade para participar das conversas aqui nos comentários do Viver de Blog, combinado? 🙂

      Abraços e sucesso!

  • Fico cada vez mais impressionado com você! Mesmo sendo um assunto popular na internet você conseguiu trazer coisas novas no seu artigo.

    Meus parabéns! E parece que você anda muito inspirado Henrique, pois anda postando muito conteúdo.

    • Olá Matheus!

      Pois é, eu e minha equipe estamos cada vez mais inspirados, principalmente pelo fato de que cada artigo tem trazido uma infinidade de feedbacks positivos de pessoas que estão contentes por termos ajudado de alguma forma. E isso não tem preço 😀

      Sempre prezamos pela excelência nos conteúdos que geramos no Viver de Blog e fico feliz demais quando esse trabalho serve de inspiração. 🙂

      Obrigado por acompanhar o blog!

      Abraços e sucesso.

  • Rodrigo Rocha

    Acabou de ganhar mais um fã apaixonado. Excelente!

  • Rodrigo Cassiano

    Muito bom mesmo o conteúdo do artigo,para quem tem um blog é m mão na roda,parabéns.Queria saber se vocês aqui do viver de blog vão escrever artigos sobre a criação e vendas de produtos digitais é um assunto que gostaria de saber.

    • Olá Rodrigo!

      Muito obrigado por comentar e por acompanhar o blog! 🙂

      Sobre a sugestão do artigo, vou colocar aqui na minha lista (que já está grande) e assim que surgir a prioridade posto ele no blog. Combinado?

      Abraços e sucesso.

  • Patrícia Candy

    Sempre paro para ler os seus e-mails e deixo tudo arquivadinho depois, marcado com estrela! rsrsrsss
    Apesar da quantidade enorme de informações na internet, você consegue catalizar tudo de uma maneira incrível, ajudando muito os seus leitores!!
    Sempre vejo aqui no blog conteúdos muito úteis e relevantes, ganhou mais uma fã! 🙂
    Forte abraço!! 😉

    • Opa Patrícia!

      Fico extremamente feliz por ter ganhado mais uma fã! 😀

      E muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa!

      Abraços e sucesso.

  • Olá Henrique, boa tarde!

    Simplesmente sensacional o artigo. Longo, mas muito esclarecedor sobre o assunto em questão.

    Deu vontade de ir ao banheiro durante a leitura, no entanto como estava lendo no celular, fui e continuei lendo lá mesmo rsrsrsrs

    VALEU!

    • hahaha Guilherme! Boa!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Rafaela Maria Arraes

    Parabéns pelo excelente artigo! Muito bom mesmo. Ás vezes a gente acaba cometendo alguns deslizes sem nem saber.
    Obs.: você esqueceu de explicar o que é e como fazer o tal do Guest Post…

    • Opa Rafaela!

      ​​​Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa :)​​​

      Guest Post (GP) é quando você faz parceria com outros blogs para escrever um artigo lá para uma audiência que ainda não conhece você ou seu trabalho. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Até hoje nunca li materiais tão completos e cheios de dedicação como os que você produz, Henrique. Meus parabéns, você é minha maior inspiração para Viver de Blog.

    • Woow Maicon!

      Sempre prezamos pela excelência nos conteúdos que geramos no Viver de Blog e fico feliz demais quando esse trabalho serve de inspiração. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Rubemar Cavalcante

    Mais uma super aula. Obg

    • Obrigado mais uma vez Rubemar! 🙂

      Fico feliz que tenha gostado. Fique à vontade para participar das conversas aqui nos comentários do Viver de Blog, combinado?

      Abraços e sucesso.

  • Muito bom, Henrique!

    Como sempre, surpreendeu.

    Já salvei esse artigo nos favoritos, porque esse blog é quase aquele livro que a gente deixa na cabeceira da cama para consultá-lo sempre que preciso.

    Muito obrigado, cara! 🙂

    • opa Bruno!

      São esses feedbacks que nos estimul​am a continuar produzindo co​nteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso!

  • Fantástico! Excelente conteúdo! Parabéns ao Henrique e a toda equipe do Viver de Blog. Abraço!

    • Opa Rafael!

      Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂

      Abraços e sucesso.

  • A originalidade dos textos desse blog são sempre uma inspiração pra mim! Parabéns pelo excelente conteúdo!

    • Olá Igor!

      Sempre prezamos pela excelência nos conteúdos que geramos no Viver de Blog e fico feliz demais quando esse trabalho serve de inspiração. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Alex Tavares

    Muito bom Henrique!
    Parabéns pelo ótimo texto!
    Uma observação, na 4ª linha, do tópico final “CONCLUINDO: A PRODUÇÃO DE TEXTOS MEMORÁVEIS” está escrito “Aqui no Viver de Blog levamos todo o processo de produção de texto é levado muito a sério….”.
    Na sua opinião, seria melhor assim: “Aqui no Viver de Blog levamos todo o processo de produção de texto muito a sério….”?
    Abraço!!!

    • Opa Alex! Obrigado pela dica 🙂

      Vamos corrigir…

      Abraços e sucesso.

  • Mesaque

    Olá Henrique Carvalho é sempre um enorme prazer receber seus e-mails de conteúdo e quando vi a chamada: dica de leitura para este fim de semana não resisti, obrigado.

    Bom, primeiro já peço desculpas porque este comentário vai ser longo…

    Este trecho: “Por enquanto preferimos não planejar períodos mais longos pois as prioridades de longo prazo podem sofrer alterações.”

    Eu uso também pois existem momentos em que devemos quebrar o protocolo pois existem tanto imprevistos como lançamentos ou algo que não pode esperar daí a obrigação de adiar o que estava planejado para inserir outro urgente.

    Eu tenho um blog que vai fazer aniversário e confesso, não para puxar seu saco, tenho me inspirado muito nos seus conteúdos pelo fato de serem de fato memoráveis e ajudar de verdade.

    Esta outra parte: “A qualidade da produção de texto é o grande segredo para conquistar cada vez mais leitores engajados.” me inspirou muito pois eu me questionei: Porque eu consigo ler todo o artigo do Henrique? Então a resposta foi simples:
    É bem escrito,
    Tem fundamento,
    Ensinam de fato,
    Tem técnicas que engajam e nos faz permanecer até o fim,
    Parece que ele está escrevendo pra mim,
    O tema do blog é lindo,
    Não vende nada as claras,
    ….

    Ou seja é um blog que deve te dar muito orgulho.

    Eu vou ficando por aqui, não sei se vai ler tudo, mas se chegou até aqui é por que leu….rsrsrsrs…..

    Um forte abraço e se tiver vontade visite meu humilde blog http://metapossivel.com.br/

    • Wooowww Mesaque!

      Isso me deixa extremamente feliz! Nossa!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e parabéns pelo seu blog!

  • Olá Henrique,

    Como sempre, mais um artigo memorável que ensina a produzir conteúdos para blogs. É o tipo de leitura que envolve desde o título até a conclusão e nos anima a participar das discussões, comentando no final.

    Lembro muito do que minhas professoras diziam, lá nos primeiros anos do primeiro grau: escrever é treinar e ler bastante. E reparei que isso está presente neste artigo, que também cita outros pontos como criar hábito para postagem por meio de um calendário de publicações, trabalhar com palavras-chave, estruturar conteúdo, fazer pausas de vez em quando, utilizar as palavras adequadas… em suma: um guia de como escrever um artigo.

    Parabéns por mais este conteúdo que agrega muito valor! Grande abraço e muito sucesso!

    • Olá Fabio!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Elias Patrick Jr

    Oi Henrique, parabéns por mais um artigo memorável. Mas acredito que encontrei duas “inconsistências”: No tópico “8 DICAS DE PRODUÇÃO…”, sub-tópico 8, a frase “Para fazer uma conexão com o leitor, seja original, /mexe/ [acho que a palavra certa seria /mexa/] com as emoções e crie uma jornada que sua audiência irá percorrer junto com você.”
    E na CONCLUSÃO, a frase “Aqui no Viver de Blog levamos todo o processo de produção de texto é levado muito a sério e acreditamos que esse é o divisor de águas para um blog de sucesso.” tem duas opções:
    – “Aqui no Viver de Blog levamos todo o processo de produção de texto muito a sério…” OU
    – “Aqui no Viver de Blog todo o processo de produção de texto é levado muito a sério..”.
    Abraços! Vou imprimir mais um ebook para você autografar pra mim no Segredos da Audiência 2016!

    • Opa Elias!

      Obrigado por comentar e por contribuir com sua opinião 🙂
      Muito bom ver o cuidado em nos ajudar!

      Aguardo seu eBook por lá para assinar!

      Abração e sucesso!

  • Olá Henrique Carvalho! Já leio seus artigos há um bom tempo e essa é a primeira vez que venho comentar. Gostaria de te parabenizar pelo excelente trabalho e por tanta dedicação nas enormes informações que você tem compartilhado conosco. O Viver de Blog é uma referência na blogosfera e tenho certeza que esta ajudando muitos blogueiros e empreendedores digitais. Um forte abraço e te convido a conhecer um dos meus trabalhos. Aqui está o link: http://www.melhoresafiliados.com.br/

    • Opa Thomas!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Abração e sucesso com seu site!

  • Henrique, surgiu uma dúvida, você já deixou claro que textos com mais de 2000 palavras tem uma aceitação melhor, mas, quantas palavras podem ser consideradas um texto longo demais? Ou não há esse limite? Desde já agradeço. Grande abraço!

    • Opa Igor!

      Então, não há limite. Se você estiver escrevendo e fornecendo sempre informações importantes, não tem limite 🙂

      Precisa apenas ter o cuidado para o texto não ficar chato! Mas ai existem técnicas na produção de texto que minimizam esta sensação…

      Abração e sucesso!

  • Aline Mendonça

    Sabe qual é o meu maior medo? De um dia você sumir com esse conteúdo e nunca mais voltar! Hahahaha Seria doloroso, mas foi só pra ter ideia de como o que você faz é incrível. Sempre que venho aqui, tenho uma injeção de ânimo gigantesca. Admiro bastante seu trabalho. Espero em breve, estar com meu “blog memorável” e poder compartilhar conteúdos prazerosos, assim como você.
    Viva!!! 😀

    • Wooow que maravilha Aline! Fica realmente muito feliz com um comentários como este! 😀

      Tamo junto!

      Abração e sucesso!

  • Danilo Matos

    Seu artigo é muito claro, objetivo e inspirador… Obrigado! 🙂

    • Opa Danilo! Fico feliz em ter inspirado você 😀

      Abração e sucesso!

  • Henrique Rodrigues de Sousa

    Show, show, show. Por que será que penso quase sempre a mesma coisa quando leio o seu conteúdo? Vc é ***. Vc já sabe disso. Obrigado, obrigado e obrigado,kkk;)

    • hahaha Obrigadão man pelas palavras gentis! Isso nos motiva cada vez mais a criar conteúdos épicos 😀

      Abração e sucesso!

  • Maria Angélica

    Nossa que texto! Admiro muito seu trabalho, pois seus conteúdos são sempre completos!!!
    Agora é respirar e partir para o check-list das coisas que tenho que melhorar (e são muitas…kkkk). Abraços e muito sucesso! ^^

    • haha Que bom Maria Angélica! Que bom que você identificou melhorias para aplicar no seu negócio 😀

      Isso é sempre bem-vindo!

      Vamos em frente!

      Abração e sucesso!

  • Robson Fernando de Souza

    Parabéns mais uma vez pelo excelente texto, Henrique =) Adorei lê-lo, e dele obtive muitas dicas pra aplicar no meu estilo de escrita.

    Falando em estilo de escrita, tenho dois blogs de divulgação de ideias políticas e formação de opiniões. E penso que tem muita gente por aí, além de mim, que deseja profundamente influenciar a construção de um mundo melhor por meio de seus blogs.

    Assim sendo, sugiro a vc, caso não tenha postado ainda, criar textos que ensinem blogueiros de ideias (que não estão literalmente vendendo ideias, serviços ou produtos) a tornar seus trabalhos superatraentes e até obter uma monetização generosa pra seus blogs.

    Se vc já postou sobre isso, me diga, por favor, os links dos textos, que eu quero muito lê-los pra aprimorar ainda mais o trabalho que eu faço.

    Ah sim, e uma outra pergunta: vc conhece alguém que faça coaching e consultoria pra blogs de ideias (como os meus)?

    Abs

    • Opa Robson! Obrigado pelo feedback e pela sugestão man! Anotado 🙂

      Abração e sucesso no seu blog!

  • Gabriel Lucio

    É muito conteúdo em Henrique….pareceu um livro completo. Quero um exemplar pra mim, valeu? Tá muito bom.

    Olha, eu me baseio em alguns artigos seus pra escrever no meu blog. Fiz um curso interessante e o produtor menciona seu blog nele, dai comecei a frequentar aqui e estou achando fantástico! Parabéns…..

    Estou bem no começo ainda, mas combino ideias suas o tempo todo com o que aprendo no curso e realmente tem ajudado muito. Obrigado por existir cara!!!!!

    • Opa Gabriel!!! Muito obrigado pelo feedback!

      Comentários como o seu nos estimulam a buscar cada vez mais excelência e nos deixam muito felizes com o que temos proporcionado às pessoas que nos acompanham!

      Obrigado por nos seguir e por nos escolher para fazer parte da sua jornada! Conte com a gente sempre! o/

      Abração e sucesso! 😀