close

Mais Blog

Exemplos de introdução impossíveis de serem ignoradas (elas vão mudar para sempre sua forma de escrever)

Henrique Carvalho Escrito por Henrique Carvalho em 25 de fevereiro de 2016
Atraia a atenção dos leitores

11 exemplos de introdução para você se inspirar

Seu arquivo está pronto.

Baixe gratuitamente seu material

file_downloadBaixar material.

Interessado em conhecer alguns exemplos de introdução que podem ser facilmente adaptados para diversos estilos de texto?

Se você respondeu sim, é porque já está convencido do poder de uma boa introdução.

Se não, sinto dizer, mas ao subestimar a importância dessa parte do seu artigo pode ser que você esteja perdendo muitos leitores pelo caminho.

E nós sabemos o quão trabalhoso pode ser atrair audiência qualificada para simplesmente colocar tudo a perder.

No entanto, sei também que a tarefa de fazer uma introdução atraente pode ser complicada e por isso mesmo muitos acabam deixando essa parte de lado.

Uma introdução poderosa começa, principalmente, naquela primeira frase de impacto, que irá “conquistar” ou “afastar” de vez o leitor.

Foi pensando nisso que selecionei os melhores exemplos de introdução que vão fazer seu leitor não conseguir desgrudar os olhos da tela do computador.

Então continue lendo para conhecer os 8 exemplos de introdução que farão com que seus textos sejam lidos, compartilhados e comentados.

Exemplos de Introdução

Exemplos-de-introdução-1

A melhor maneira de aprender a respeito de um assunto é através da observação.

Quando falamos da produção de textos, observar é ler. E quanto mais a leitura for um hábito presente mais a escrita será fluída.

Justamente por isso, vamos desconstruir alguns exemplos de introdução que funcionam, não só em artigos mas também em eBooks, para que você entenda bem o que faz dela um sucesso e consiga aplicar as mesmas técnicas com extrema habilidade.

Lembrando que, para garantir um bom posicionamento do seu artigo nos mecanismos de buscas, procure usar a palavra-chave do texto logo na introdução. Para saber mais sobre o assunto, leia este artigo.

Exemplo de Introdução #1: Envolva o leitor em uma história e instigue suas emoções

Exemplos-de-introdução-2

Os seres humanos aprenderam a passar conhecimento adiante contando histórias, usando a técnica que hoje conhecemos por Storytelling.

Uma boa história funciona para prender atenção porque faz uma conexão emocional.

As pessoas que possuem visões de mundo semelhantes, acreditam em histórias parecidas porque conseguem se colocar no lugar de quem viveu aquilo.

O pensamento é: poderia ser a minha história

Veja o que acontece nessa introdução de uma postagem da Superinteressante para promover uma das edições da revista:

Luci era uma donzela de 13 anos que, no século X, vivia em um importante vilarejo com seus pais. Certo dia de verão, ela saiu para ir à feira com uma amiga quando sentiu uma vontade enorme de ir ao banheiro. Sem ter aonde ir, entrou no primeiro casebre do caminho e resolveu fazer xixi por lá mesmo. Foi quando um homem de 35 anos a encontrou e decidiu que a tomaria à força.

Simplesmente impossível não querer saber como termina essa história, não?

O autor nos apresenta a personagem, Luci, em uma situação absolutamente corriqueira, que poderia acontecer a qualquer um.

E logo depois já introduz uma mudança na trama e coloca a personagem em uma situação de perigo.

Como não se envolver?

Outra emoção brilhantemente trabalhada em tão poucas linhas é a raiva, gerada pela possibilidade de concretização de um crime hediondo: o estupro.

Este é o tipo de artigo que deixa as pessoas revoltadas, fazendo-as agir ferozmente para obterem justiça.

E a introdução já mostra claramente ao leitor o que está por vir mas sem contar o final.

Se você também ficou curioso para saber o que acontece com Luci, leia aqui o texto completo.

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (3)

Mas não somente a raiva pode ser utilizada em sua introdução.

Outras emoções que funcionam muito bem para ganhar o leitor logo nas frases iniciais:

  • O medo: que nos leva tomar ações impulsivas, agindo muito mais com o instinto do que com a racionalidade.

Você tem certeza que está seguro em sua casa durante a noite?

  • A felicidade: essa emoção pode ser despertada em uma introdução através de palavras engraçadas, inspiradoras ou motivacionais.

Não deixe para realizar seus sonhos amanhã. O hoje é tudo que você tem.

  • A surpresa: dê ao leitor algo que ele não espera.

Por mais incrível que isso pareça, vamos contar o segredo do sucesso dos milionários.

Exemplo de Introdução #2: Faça perguntas mas não dê respostas ainda

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (4)

Um dos gatilhos mentais mais utilizados é o da curiosidade.

Isso acontece porque a busca por informação para responder a uma pergunta ativa parte de nosso cérebro ligada ao prazer.

Ou seja, encontramos satisfação ao descobrir uma resposta.

Podemos perceber que esse questionamento faz parte da essência humana quando vemos crianças de apenas 3, 4 anos perguntando o motivo de uma série de situações estranhas à elas.

Começar sua introdução com uma pergunta quase obrigará o leitor a continuar lendo caso ele queira muito desvendar a questão.

E as chances são enormes se você conseguir despertar sua curiosidade.

E se houvesse um jeito de sobressair sobre o barulho, ser notado e fazer uma conexão real com sua audiência?

Texto completo em inglês aqui.

Quem não deseja descobrir a resposta dessa pergunta? Em detalhes?

O segredo aqui está em fazer uma pergunta que não pode ser respondida imediatamente por quem está lendo.

Atice a curiosidade mas só responda a questão no decorrer do artigo. Se a resposta já está na introdução, porque seu leitor precisaria continuar?

11 exemplos de introdução para você se inspirar
Atraia a atenção dos leitores

11 exemplos de introdução para você se inspirar

Exemplo de Introdução #3: Apresente dados e estatísticas sobre o assunto que você irá escrever

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (5)

Sabemos que 95% dos nossas decisões são tomadas de forma inconsciente. Porém, nosso cérebro busca por informações racionais que sejam suficientes para embasar nossas ações.

Se eu tivesse escrito esse exemplo de introdução dessa forma, será que você levaria essa informação tão a sério?

A maioria das pessoas toma decisões de forma inconsciente. Porém, nosso cérebro busca por informações racionais que sejam suficientes para embasar nossas ações.

Um pouco mais vago, não?

Temos a tendência de acreditar em números, talvez pelo fato de serem dados objetivos, perfeitos para passar confiança.

Assim como nesse exemplo de introdução:

De cada dez brasileiros adultos, quatro já possuem ou estão envolvidos com a criação de uma empresa. É o que revela a nova pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2015, patrocinada pelo Sebrae no Brasil. No ano passado, a taxa de empreendedorismo no país foi de 39,3%, o maior índice dos últimos 14 anos e quase o dobro do registrado em 2002, quando a taxa era de 20,9%.

Leia o texto completo aqui.

A introdução é a citação de uma pesquisa sobre empreendedorismo e apresenta vários dados para dar credibilidade ao assunto, como o instituto responsável pelo estudo, quem patrocinou e claro, os dados obtidos.

O texto já parece ter mais valor e credibilidade só por causa dessa introdução.

Exemplo de Introdução #4: Bom humor logo no início do texto

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (6)

O riso é a menor distância entre duas pessoas – Victor Borge

Com certa frequência, o humor é menosprezado como um elemento interessante a ser usado em textos.

Um tremendo desperdício, porque apesar de não ser fácil escrever com a intenção de provocar o riso, seus efeitos são muito. Veja alguns:

  • Favorece a conexão com o leitor pois promove vínculos. Todos nós respondemos de alguma forma a textos bem humorados.
  • É um ótimo jeito de encerrar conflitos e acabar com diferenças e o estresse.
  • Usar humor de forma adequada pode ser considerado um sinal de inteligência.

Vamos a um exemplo:

Eu sempre fui pagador de mico, mas quando cheguei na Holanda a coisa ficou séria e larguei o status amador pra virar pró na aquisição de símios.

Tenso.

A vantagem do mico é… bem as vantagens do mico são duas: um, aprendizado pela dor e humilhação (você tende a se lembrar dele) e dois, entreter pessoas com a sua história.

Aprender eu aprendi, agora vamos à parte do entretenimento, onde compartilharei contigo micos épicos que paguei. E à vista.

Texto completo está aqui

O uso do humor torna bem mais leve a descrição de uma situação que provavelmente poderia ser até mesmo mais séria.

Inclusive, publicações mais técnicas podem fazer bom uso do humor para suavizar um assunto que tende a ser maçante.

Além disso, cria a antecipação por uma história que contará com elementos divertidos e por isso torna a leitura mais agradável e leve.

Exemplo de Introdução #5: Convide seu leitor para o texto faça-o sentir-se em casa

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (7)

Alguma vez em sua vida você já foi a uma festa na casa de um amigo onde não conhecia ninguém e o anfitrião sequer apresentou você aos demais convidados?

Quem já passou por isso sabe o quanto pode ser desconfortável esse tipo de situação.

Mas quando você é recebido com um drinque e apresentado a cada um dos convidados tende a ficar bem menos esquisito, não é mesmo?

Bom, e com a produção do seu texto não funciona de forma diferente.

Todo nós temos a necessidade de sermos bem recebidos.

Uma excelente maneira de dar as boas vindas ao seu leitor é quebrar todas as suas objeções.

Percebe-se que, ao perguntar se ele se sente ansioso ou nervoso a respeito do assunto que você irá escrever, o “gelo é quebrado”.

É criada ai, a necessidade de continuar lendo para descobrir como se livrar daquela ansiedade da qual o autor também parece ter compartilhado algum dia.

Para ser honesto com você, fazer podcasts não constavam como prioridade no ano passado. Na verdade, eu apenas comecei a ouvir podcasts porque eu queria bloquear o som da monótona dance music da academia! E foi uma ação que funcionou, e desde então, eu tomeu gosto por ouvir podcastst, mas fazer os meus próprios? Essa ideia nunca passou pela minha cabeça.

O texto completo do Neil Patel está em inglês.

O início do texto é quase um confissão. Ele nunca pensou em fazer podcasts, assim como seu leitor talvez não tenha pensado também.

E ainda assim, conta a história que o levou a mudar de ideia, dando a impressão de que se aconteceu com ele pode acontecer com quem lê também.

Exemplo de Introdução #6: Crie intimidade com o leitor: mostre o que vocês têm em comum

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (8)

Nós, seres humanos, somos uma espécie extremamente sociável.

Necessitamos fazer conexões uns com os outros, reconhecer hábitos em comum e pensamentos parecidos.

Uma ótima maneira de estreitar esses laços é contando histórias. Se forem pessoais, melhor ainda.

Fale como um amigo de quem está lendo. E mostre um pouco mais de você, como é sua vida, seus gostos e medos. Acredite, as pessoas têm interesse nesse tipo de assunto.

Sabe como fazer isso? Identifique algum problema que seja comum entre aqueles que o acompanham e mostre que você também já passou por aquilo ou é daquele jeito.

Como é sua rotina matinal? A minha costumava ser acordar às 7 horas da manhã, andar até o chuveiro, vestir roupas socialmente aceitáveis, tomar uma xícara de café e andar no meio de centenas de zumbis até o ponto de ônibus lotado.

Para ler o texto original em inglês, clique aqui.

Perceba que o autor pergunta como é a rotina do leitor, para estabelecer a conexão.

E só depois de fazê-lo pensar em sua vida é que ele conta como é a ele, criando empatia com dezenas de pessoas que também passam pelas mesmas coisas todo dia de manhã.

O desejo de saber um pouco mais sobre aquela pessoa, que afinal é parecida com ela, será o gancho para o artigo.

Exemplo de Introdução #7: Crie um mistério

8-Modelos-de-Introdução-Impossíveis-de-Serem-Ignoradas-(11)

Somos naturalmente curiosos.

Por exemplo, porque você acha que a indústria cinematográfica investe tanto na divulgação de teasers e traillers dos seus filmes?

Oras, simplesmente para aguçar sua curiosidade.

E se a história for interessante que você espere ansiosamente pela estréia do filme

Este é o gatilho da antecipação, sem dúvida um gatilho muito poderoso, pois mexe com as nossas expectativas em relação ao futuro.

Por isso, a estratégia de criar um mistério, algo que está por vir, ainda na introdução, pode ser o gancho ideal para fisgar o leitor.

Se a curiosidade dele a respeito daquela história for grande, ele certamente não irá interromper a leitura.

Ofereça uma promessa logo no início e obviamente entregue aquilo que prometeu no decorrer do desenvolvimento.

Após 30 anos de casamento, a Sra. Kuroki subitamente perdeu sua visão após ter complicações decorrentes da diabetes.

Deprimida, a Sra. Kuroki se isolou do mundo. Seu marido queria lhe dar algo para que ela pudesse usufruir, e ele encontrou a resposta quando viu pessoas admirando suas flores de rosa de musgo.

Leia o texto completo.

Este exemplo de introdução começa com um acontecimento triste, a perda de visão da Sra. Kuroki e conta rapidamente como ela se sentiu em relação ao problema com a intenção de cativar o leitor.

Logo em seguida o marido é introduzido como sendo aquele que descobre a solução para o problema de sua esposa.

Como essa história acabará? Conseguirá essa senhora com a ajuda do marido voltar a ser feliz? Se sim, qual a solução que ele encontrou?

Todas essas questões são respondidas ao longo do texto, mas o leitor já foi atraído pelo mistério logo de cara, não interrompendo a leitura.

11 exemplos de introdução para você se inspirar
Atraia a atenção dos leitores

11 exemplos de introdução para você se inspirar

Exemplo de Introdução #8: Conte o por que da decisão de escrever sobre o assunto

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (9)

Em seu livro Influence, Robert Cialdini analisa um estudo realizado sobre os pedidos de uma pessoa para passar à frente em uma fila de xerox.

Os testes foram feitos de duas maneiras:

  • Em uma delas, o indivíduo simplesmente pedia para furar a fila afirmando que tinha poucas páginas.
  • Em um segundo mesmo, o pedido foi o mesmo, com adição de uma justificativa de estar com pressa.

Adivinhe qual deles foi mais atendido?

Se você respondeu aquele que se justificou, está correto.

Em seu livro, Cialdini explica que as pessoas gostam de ter justificativas para o que vão fazer.

Veja esse exemplo:

“Esse negócio de ter que produzir o conteúdo e ainda editar o material é muito complicado”. Ouvi essa frase nas mais diversas versões ao longo do meu trabalho como Gerente de Implementação na Resultados Digitais e é por essa razão que quero mostrar como você pode gerar Leads através de um material rico simples como um infográfico.

Texto completo aqui.

O autor decidiu explicar o “reason why” , o que o motivou a escrever o artigo em questão.

Nesse caso ele decidiu desmistificar uma afirmação que ouvia com frequência, ou seja, essa foi a grande motivação para todo artigo.

E por que isso funciona em uma introdução?

Simples, o leitor já sabe o porquê daquele texto ter escrito, qual a pergunta crucial que deseja responder e assim pode julgar se lhe interessa ou não saber o resto.

Leia mais sobre como escrever um artigo perfeito aqui.

Fatos e Estatísticas para Tweetar:

  1. (tweet) Os seres humanos aprenderam a passar conhecimento adiante contando histórias, usando a técnica que hoje conhecemos por Storytelling.
  2. (tweet) Começar sua introdução com uma pergunta quase obrigará o leitor a continuar lendo caso ele queira muito desvendar a questão.
  3. (tweet) 95% dos nossas decisões são tomadas de forma inconsciente. Porém, nosso cérebro busca por informações racionais que sejam suficientes para embasar nossas ações.
  4. (tweet) Temos a tendência de acreditar em números, talvez pelo fato de serem dados objetivos, perfeitos para passar confiança.
  5. (tweet) Uma excelente maneira de dar as boas vindas ao seu leitor é quebrar todas as suas objeções.
  6. (tweet) A estratégia de criar um mistério, algo que está por vir, ainda na introdução, pode ser o gancho ideal para fisgar o leitor.

Conclusão

8-Modelos-de-Introdução-Impossíveis-de-Serem-Ignoradas-(13)

Não perca esse momento único de causar uma primeira boa impressão, você sabe que não terá uma segunda chance.

Apesar da enorme ajuda que os modelos de introdução podem dar ao seu artigo, jamais esqueça que o mais importante é ser criativo. Além de você precisar saber como escrever bem, é claro.

Entenda o porquê alguns exemplos de introdução funcionam para manter o leitor interessado, mas acima de tudo, invista no seu conhecimento.

Você está se perguntando como?

Muito simples.

Pratique!

Leia, escreva e preste atenção aos feedbacks. Ouça sua audiência. Ela lhe ditará o caminho.

“Não tenha medo de desistir do bom para perseguir o ótimo” – John D. Rockefeller

Melhore Seu Marketing em 7 Dias Com Nossa Área VIP.

VDB Club

Quero Meu Acesso Agora →
VDB Club

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Junte-se a mais de 150.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

2K Compart.
Compartilhar2K
Compartilhar54
Twittar4
WhatsApp