close

Mais Blog

Exemplos de introdução impossíveis de serem ignoradas (elas vão mudar para sempre sua forma de escrever)

Henrique Carvalho Escrito por Henrique Carvalho em 25 de fevereiro de 2016
Atraia a atenção dos leitores

11 exemplos de introdução para você se inspirar

clear
11 exemplos de introdução para você se inspirar

Download

Baixe gratuitamente seu material.

Interessado em conhecer alguns exemplos de introdução que podem ser facilmente adaptados para diversos estilos de texto?

Se você respondeu sim, é porque já está convencido do poder de uma boa introdução.

Se não, sinto dizer, mas ao subestimar a importância dessa parte do seu artigo pode ser que você esteja perdendo muitos leitores pelo caminho.

E nós sabemos o quão trabalhoso pode ser atrair audiência qualificada para simplesmente colocar tudo a perder.

No entanto, sei também que a tarefa de fazer uma introdução atraente pode ser complicada e por isso mesmo muitos acabam deixando essa parte de lado.

Uma introdução poderosa começa, principalmente, naquela primeira frase de impacto, que irá “conquistar” ou “afastar” de vez o leitor.

Foi pensando nisso que selecionei os melhores exemplos de introdução que vão fazer seu leitor não conseguir desgrudar os olhos da tela do computador.

Então continue lendo para conhecer os 8 exemplos de introdução que farão com que seus textos sejam lidos, compartilhados e comentados.

Exemplos de Introdução

Exemplos-de-introdução-1

A melhor maneira de aprender a respeito de um assunto é através da observação.

Quando falamos da produção de textos, observar é ler. E quanto mais a leitura for um hábito presente mais a escrita será fluída.

Justamente por isso, vamos desconstruir alguns exemplos de introdução que funcionam, não só em artigos mas também em eBooks, para que você entenda bem o que faz dela um sucesso e consiga aplicar as mesmas técnicas com extrema habilidade.

Lembrando que, para garantir um bom posicionamento do seu artigo nos mecanismos de buscas, procure usar a palavra-chave do texto logo na introdução. Para saber mais sobre o assunto, leia este artigo.

Exemplo de Introdução #1: Envolva o leitor em uma história e instigue suas emoções

Exemplos-de-introdução-2

Os seres humanos aprenderam a passar conhecimento adiante contando histórias, usando a técnica que hoje conhecemos por Storytelling.

Uma boa história funciona para prender atenção porque faz uma conexão emocional.

As pessoas que possuem visões de mundo semelhantes, acreditam em histórias parecidas porque conseguem se colocar no lugar de quem viveu aquilo.

O pensamento é: poderia ser a minha história

Veja o que acontece nessa introdução de uma postagem da Superinteressante para promover uma das edições da revista:

Luci era uma donzela de 13 anos que, no século X, vivia em um importante vilarejo com seus pais. Certo dia de verão, ela saiu para ir à feira com uma amiga quando sentiu uma vontade enorme de ir ao banheiro. Sem ter aonde ir, entrou no primeiro casebre do caminho e resolveu fazer xixi por lá mesmo. Foi quando um homem de 35 anos a encontrou e decidiu que a tomaria à força.

Simplesmente impossível não querer saber como termina essa história, não?

O autor nos apresenta a personagem, Luci, em uma situação absolutamente corriqueira, que poderia acontecer a qualquer um.

E logo depois já introduz uma mudança na trama e coloca a personagem em uma situação de perigo.

Como não se envolver?

Outra emoção brilhantemente trabalhada em tão poucas linhas é a raiva, gerada pela possibilidade de concretização de um crime hediondo: o estupro.

Este é o tipo de artigo que deixa as pessoas revoltadas, fazendo-as agir ferozmente para obterem justiça.

E a introdução já mostra claramente ao leitor o que está por vir mas sem contar o final.

Se você também ficou curioso para saber o que acontece com Luci, leia aqui o texto completo.

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (3)

Mas não somente a raiva pode ser utilizada em sua introdução.

Outras emoções que funcionam muito bem para ganhar o leitor logo nas frases iniciais:

  • O medo: que nos leva tomar ações impulsivas, agindo muito mais com o instinto do que com a racionalidade.

Você tem certeza que está seguro em sua casa durante a noite?

  • A felicidade: essa emoção pode ser despertada em uma introdução através de palavras engraçadas, inspiradoras ou motivacionais.

Não deixe para realizar seus sonhos amanhã. O hoje é tudo que você tem.

  • A surpresa: dê ao leitor algo que ele não espera.

Por mais incrível que isso pareça, vamos contar o segredo do sucesso dos milionários.

Exemplo de Introdução #2: Faça perguntas mas não dê respostas ainda

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (4)

Um dos gatilhos mentais mais utilizados é o da curiosidade.

Isso acontece porque a busca por informação para responder a uma pergunta ativa parte de nosso cérebro ligada ao prazer.

Ou seja, encontramos satisfação ao descobrir uma resposta.

Podemos perceber que esse questionamento faz parte da essência humana quando vemos crianças de apenas 3, 4 anos perguntando o motivo de uma série de situações estranhas à elas.

Começar sua introdução com uma pergunta quase obrigará o leitor a continuar lendo caso ele queira muito desvendar a questão.

E as chances são enormes se você conseguir despertar sua curiosidade.

E se houvesse um jeito de sobressair sobre o barulho, ser notado e fazer uma conexão real com sua audiência?

Texto completo em inglês aqui.

Quem não deseja descobrir a resposta dessa pergunta? Em detalhes?

O segredo aqui está em fazer uma pergunta que não pode ser respondida imediatamente por quem está lendo.

Atice a curiosidade mas só responda a questão no decorrer do artigo. Se a resposta já está na introdução, porque seu leitor precisaria continuar?

11 exemplos de introdução para você se inspirar
Atraia a atenção dos leitores

11 exemplos de introdução para você se inspirar

Exemplo de Introdução #3: Apresente dados e estatísticas sobre o assunto que você irá escrever

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (5)

Sabemos que 95% dos nossas decisões são tomadas de forma inconsciente. Porém, nosso cérebro busca por informações racionais que sejam suficientes para embasar nossas ações.

Se eu tivesse escrito esse exemplo de introdução dessa forma, será que você levaria essa informação tão a sério?

A maioria das pessoas toma decisões de forma inconsciente. Porém, nosso cérebro busca por informações racionais que sejam suficientes para embasar nossas ações.

Um pouco mais vago, não?

Temos a tendência de acreditar em números, talvez pelo fato de serem dados objetivos, perfeitos para passar confiança.

Assim como nesse exemplo de introdução:

De cada dez brasileiros adultos, quatro já possuem ou estão envolvidos com a criação de uma empresa. É o que revela a nova pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2015, patrocinada pelo Sebrae no Brasil. No ano passado, a taxa de empreendedorismo no país foi de 39,3%, o maior índice dos últimos 14 anos e quase o dobro do registrado em 2002, quando a taxa era de 20,9%.

Leia o texto completo aqui.

A introdução é a citação de uma pesquisa sobre empreendedorismo e apresenta vários dados para dar credibilidade ao assunto, como o instituto responsável pelo estudo, quem patrocinou e claro, os dados obtidos.

O texto já parece ter mais valor e credibilidade só por causa dessa introdução.

Exemplo de Introdução #4: Bom humor logo no início do texto

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (6)

O riso é a menor distância entre duas pessoas – Victor Borge

Com certa frequência, o humor é menosprezado como um elemento interessante a ser usado em textos.

Um tremendo desperdício, porque apesar de não ser fácil escrever com a intenção de provocar o riso, seus efeitos são muito. Veja alguns:

  • Favorece a conexão com o leitor pois promove vínculos. Todos nós respondemos de alguma forma a textos bem humorados.
  • É um ótimo jeito de encerrar conflitos e acabar com diferenças e o estresse.
  • Usar humor de forma adequada pode ser considerado um sinal de inteligência.

Vamos a um exemplo:

Eu sempre fui pagador de mico, mas quando cheguei na Holanda a coisa ficou séria e larguei o status amador pra virar pró na aquisição de símios.

Tenso.

A vantagem do mico é… bem as vantagens do mico são duas: um, aprendizado pela dor e humilhação (você tende a se lembrar dele) e dois, entreter pessoas com a sua história.

Aprender eu aprendi, agora vamos à parte do entretenimento, onde compartilharei contigo micos épicos que paguei. E à vista.

Texto completo está aqui

O uso do humor torna bem mais leve a descrição de uma situação que provavelmente poderia ser até mesmo mais séria.

Inclusive, publicações mais técnicas podem fazer bom uso do humor para suavizar um assunto que tende a ser maçante.

Além disso, cria a antecipação por uma história que contará com elementos divertidos e por isso torna a leitura mais agradável e leve.

Exemplo de Introdução #5: Convide seu leitor para o texto faça-o sentir-se em casa

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (7)

Alguma vez em sua vida você já foi a uma festa na casa de um amigo onde não conhecia ninguém e o anfitrião sequer apresentou você aos demais convidados?

Quem já passou por isso sabe o quanto pode ser desconfortável esse tipo de situação.

Mas quando você é recebido com um drinque e apresentado a cada um dos convidados tende a ficar bem menos esquisito, não é mesmo?

Bom, e com a produção do seu texto não funciona de forma diferente.

Todo nós temos a necessidade de sermos bem recebidos.

Uma excelente maneira de dar as boas vindas ao seu leitor é quebrar todas as suas objeções.

Percebe-se que, ao perguntar se ele se sente ansioso ou nervoso a respeito do assunto que você irá escrever, o “gelo é quebrado”.

É criada ai, a necessidade de continuar lendo para descobrir como se livrar daquela ansiedade da qual o autor também parece ter compartilhado algum dia.

Para ser honesto com você, fazer podcasts não constavam como prioridade no ano passado. Na verdade, eu apenas comecei a ouvir podcasts porque eu queria bloquear o som da monótona dance music da academia! E foi uma ação que funcionou, e desde então, eu tomeu gosto por ouvir podcastst, mas fazer os meus próprios? Essa ideia nunca passou pela minha cabeça.

O texto completo do Neil Patel está em inglês.

O início do texto é quase um confissão. Ele nunca pensou em fazer podcasts, assim como seu leitor talvez não tenha pensado também.

E ainda assim, conta a história que o levou a mudar de ideia, dando a impressão de que se aconteceu com ele pode acontecer com quem lê também.

Exemplo de Introdução #6: Crie intimidade com o leitor: mostre o que vocês têm em comum

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (8)

Nós, seres humanos, somos uma espécie extremamente sociável.

Necessitamos fazer conexões uns com os outros, reconhecer hábitos em comum e pensamentos parecidos.

Uma ótima maneira de estreitar esses laços é contando histórias. Se forem pessoais, melhor ainda.

Fale como um amigo de quem está lendo. E mostre um pouco mais de você, como é sua vida, seus gostos e medos. Acredite, as pessoas têm interesse nesse tipo de assunto.

Sabe como fazer isso? Identifique algum problema que seja comum entre aqueles que o acompanham e mostre que você também já passou por aquilo ou é daquele jeito.

Como é sua rotina matinal? A minha costumava ser acordar às 7 horas da manhã, andar até o chuveiro, vestir roupas socialmente aceitáveis, tomar uma xícara de café e andar no meio de centenas de zumbis até o ponto de ônibus lotado.

Para ler o texto original em inglês, clique aqui.

Perceba que o autor pergunta como é a rotina do leitor, para estabelecer a conexão.

E só depois de fazê-lo pensar em sua vida é que ele conta como é a ele, criando empatia com dezenas de pessoas que também passam pelas mesmas coisas todo dia de manhã.

O desejo de saber um pouco mais sobre aquela pessoa, que afinal é parecida com ela, será o gancho para o artigo.

Exemplo de Introdução #7: Crie um mistério

8-Modelos-de-Introdução-Impossíveis-de-Serem-Ignoradas-(11)

Somos naturalmente curiosos.

Por exemplo, porque você acha que a indústria cinematográfica investe tanto na divulgação de teasers e traillers dos seus filmes?

Oras, simplesmente para aguçar sua curiosidade.

E se a história for interessante que você espere ansiosamente pela estréia do filme

Este é o gatilho da antecipação, sem dúvida um gatilho muito poderoso, pois mexe com as nossas expectativas em relação ao futuro.

Por isso, a estratégia de criar um mistério, algo que está por vir, ainda na introdução, pode ser o gancho ideal para fisgar o leitor.

Se a curiosidade dele a respeito daquela história for grande, ele certamente não irá interromper a leitura.

Ofereça uma promessa logo no início e obviamente entregue aquilo que prometeu no decorrer do desenvolvimento.

Após 30 anos de casamento, a Sra. Kuroki subitamente perdeu sua visão após ter complicações decorrentes da diabetes.

Deprimida, a Sra. Kuroki se isolou do mundo. Seu marido queria lhe dar algo para que ela pudesse usufruir, e ele encontrou a resposta quando viu pessoas admirando suas flores de rosa de musgo.

Leia o texto completo.

Este exemplo de introdução começa com um acontecimento triste, a perda de visão da Sra. Kuroki e conta rapidamente como ela se sentiu em relação ao problema com a intenção de cativar o leitor.

Logo em seguida o marido é introduzido como sendo aquele que descobre a solução para o problema de sua esposa.

Como essa história acabará? Conseguirá essa senhora com a ajuda do marido voltar a ser feliz? Se sim, qual a solução que ele encontrou?

Todas essas questões são respondidas ao longo do texto, mas o leitor já foi atraído pelo mistério logo de cara, não interrompendo a leitura.

11 exemplos de introdução para você se inspirar
Atraia a atenção dos leitores

11 exemplos de introdução para você se inspirar

Exemplo de Introdução #8: Conte o por que da decisão de escrever sobre o assunto

8 Modelos de Introdução Impossíveis de Serem Ignoradas (9)

Em seu livro Influence, Robert Cialdini analisa um estudo realizado sobre os pedidos de uma pessoa para passar à frente em uma fila de xerox.

Os testes foram feitos de duas maneiras:

  • Em uma delas, o indivíduo simplesmente pedia para furar a fila afirmando que tinha poucas páginas.
  • Em um segundo mesmo, o pedido foi o mesmo, com adição de uma justificativa de estar com pressa.

Adivinhe qual deles foi mais atendido?

Se você respondeu aquele que se justificou, está correto.

Em seu livro, Cialdini explica que as pessoas gostam de ter justificativas para o que vão fazer.

Veja esse exemplo:

“Esse negócio de ter que produzir o conteúdo e ainda editar o material é muito complicado”. Ouvi essa frase nas mais diversas versões ao longo do meu trabalho como Gerente de Implementação na Resultados Digitais e é por essa razão que quero mostrar como você pode gerar Leads através de um material rico simples como um infográfico.

Texto completo aqui.

O autor decidiu explicar o “reason why” , o que o motivou a escrever o artigo em questão.

Nesse caso ele decidiu desmistificar uma afirmação que ouvia com frequência, ou seja, essa foi a grande motivação para todo artigo.

E por que isso funciona em uma introdução?

Simples, o leitor já sabe o porquê daquele texto ter escrito, qual a pergunta crucial que deseja responder e assim pode julgar se lhe interessa ou não saber o resto.

Leia mais sobre como escrever um artigo perfeito aqui.

Fatos e Estatísticas para Tweetar:

  1. (tweet) Os seres humanos aprenderam a passar conhecimento adiante contando histórias, usando a técnica que hoje conhecemos por Storytelling.
  2. (tweet) Começar sua introdução com uma pergunta quase obrigará o leitor a continuar lendo caso ele queira muito desvendar a questão.
  3. (tweet) 95% dos nossas decisões são tomadas de forma inconsciente. Porém, nosso cérebro busca por informações racionais que sejam suficientes para embasar nossas ações.
  4. (tweet) Temos a tendência de acreditar em números, talvez pelo fato de serem dados objetivos, perfeitos para passar confiança.
  5. (tweet) Uma excelente maneira de dar as boas vindas ao seu leitor é quebrar todas as suas objeções.
  6. (tweet) A estratégia de criar um mistério, algo que está por vir, ainda na introdução, pode ser o gancho ideal para fisgar o leitor.

Conclusão

8-Modelos-de-Introdução-Impossíveis-de-Serem-Ignoradas-(13)

Não perca esse momento único de causar uma primeira boa impressão, você sabe que não terá uma segunda chance.

Apesar da enorme ajuda que os modelos de introdução podem dar ao seu artigo, jamais esqueça que o mais importante é ser criativo.

Entenda o porquê alguns exemplos de introdução funcionam para manter o leitor interessado, mas acima de tudo, invista no seu conhecimento.

Você está se perguntando como?

Muito simples.

Pratique!

Leia, escreva e preste atenção aos feedbacks. Ouça sua audiência. Ela lhe ditará o caminho.

“Não tenha medo de desistir do bom para perseguir o ótimo” – John D. Rockefeller

Você deseja aprender a produzir conteúdos memoráveis 2 vezes mais rápido e com 10 vezes mais poder de viralização e vendas, mesmo que você não tenha o dom da escrita? Conheça o curso de produção de conteúdo do Viver de Blog. Clique aqui embaixo e saiba mais!

Viralize seus conteúdos e aumente suas vendas

Produção de Conteúdos Memoráveis

Quero saber mais
Produção de Conteúdos Memoráveis

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

  • Felipe

    Simplesmente fantástico. HC vou da uma sugestão para os próximas artigos, como lidar com excesso de informação, já sofri muito com isso graças a deus já mim superei kkk, também busquei muito no Google e não tem ninguém falando sobre isso.

  • Felipe Silva

    Excelente, texto.

    Henrique, agradeço por compartilhar ótimos conteúdos para os seus leitores. Desde que conheci o blog, passo horas lendo os textos e aprendendo muito.

    Além de conhecimento, você inspira muito pela qualidade com que leva seus projetos.

    Obrigado!

    • Olá Felipe!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Muito obrigado por acompanhar o blog.

      Abraços e sucesso.

  • Natal Siqueira

    Está ficando difícil elogiar seu trabalho meu amigo, pois, você simplesmente fabrica uma jóia rara atrás da outra.
    Só tenho que te parabenizar mais uma vez pela grande generosidade!
    Valew!

    • hahaha Natal!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Fabrício Nascimento

    Realmente excelente, estou vivendo este dilema justamente agora, em produzir meu primeiro conteúdo! Obrigado, matéria excelente!!!

    • Opa Fabrício!

      Muito obrigado por comentar! Espero que este conteúdo ajude você a produzir seu primeiro conteúdo e muitos outros! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Simone Carmona

    E qual foi minha surpresa ao perceber que adotei, instintivamente, 3 dessas técnicas no meu último post. Bom saber que estou no bom caminho, e ter outros exemplos para sair da zona de conforto e surpreender os leitores com abordagens diferentes. Obrigada, Henrique!

    • Que excelente notícia Simone! 🙂

      ​Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa :)​

      Abraços e sucesso.

  • Henrique, eu desisto! Já não sei mais como vou te elogiar, você não para de publicar conteúdo épico! hahaha

    Sobre apresentar estatísticas, como você acha elas? Você simplesmente digita no Google uma palavra-chave+estatísticas ou conhece alguns sites especializados no assunto?

    • Olá Matheus!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Essas estatísticas e informações nós conseguimos com muita pesquisa, em leituras, inclusive estrangeiras. Isso é super importante, pois nos dá maior credibilidade e respalda nossas informações 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Josué Francio

    Fala, Henrique! Mais uma manhã que acordo com um novo email de artigo memorável 🙂 Não tem como não ler imediatamente. Eu já achava muito bons os artigos COMO ESCREVER UM ARTIGO PERFEITO: 10 REGRAS DE OURO PARA UM POST MEMORÁVEL e 19 BRILHANTES DICAS SOBRE COMO ESCREVER BEM E MELHOR (VOCÊ NÃO PODE IGNORAR A #17), mas agora você consegue complementá-los e deixar ainda mais completo o assunto com esses 3 novos artigos memoráveis… De que mundo você veio? Quero um pouco dessa kryptonita kkkkkkkk

    • hahahaha

      Muito bom Josué! 🙂

      Nossa kryptonita é um comentário com este seu. É isto que nos move, é isso que faz com que a gente queira ser cada vez melhor e melhor!

      Muito obrigado por acompanhar o blog!

      Abraços e sucesso.

  • Bruno – Evolucao Pessoal

    Fala HC, ótimo saber que a frequência dos artigos estão aumentando. Continue assim, um blog como este deve ser alcançado por mais pessoas. Inclusive para desmitificar essa história que não é possivel viver do que gosta.

    Estou aguardando mais emails de artigos memoráveis, sua aula ao vivo hoje e sua palestra no Segredos da Audiência. Um grande abraço.

    • Opa Bruno!

      Fico muito agradecido pelas palavras gentis. Espero continuar contribuindo com o que vou aprendendo nos meus estudos do dia-a-dia. 🙂

      Em breve teremos mais novidades!

      Abraços e sucesso.

  • Lilian Sambo

    Muito obrigada pelo artigo. Acho seus textos muito úteis e tenho realmente usado suas dicas!
    Como você gosta de escrever bem, notei que escreveu a palavra “porque” de forma errada na frase:
    “CONTE O POR QUE DA DECISÃO DE ESCREVER SOBRE O ASSUNTO”
    O certo seria “o porquê” (substantivo). As regras relacionadas à palavra “porque” são chatinhas e é bom revisá-las sempre.
    Outro comentário que quero fazer é sobre sua afirmação: “A maioria das pessoas toma decisões de forma inconsciente.” Discordo completamente. Os únicos momentos nos quais ficamos inconscientes é quando sentimos alguma dor (física ou emocional) ou quando estamos sob efeito de drogas ou álcool.
    Existe sim uma mente de estímulo-resposta chamada mente reativa que grava os momentos de dor e inconsciência e depois faz com que aflorem em situações semelhantes.
    Acredito que você vá gostar muito de ler o livro Dianética: O Poder da Mente sobre o Corpo e descobrir mais sobre a mente reativa.
    Abs

    • Opa Lilian!

      Obrigado por comentar e por contribuir com sua opinião 🙂
      Vou verificar esta questão do “por que” que você citou.

      Abraços e sucesso.

  • Lilian Sambo

    E na frase: “Entenda o porquê alguns exemplos de introdução funcionam para manter o leitor interessado, mas acima de tudo, invista no seu conhecimento”, o correto é: Entenda por que…

  • Genival Costa

    Dá vontade de salvar todo o conteúdo em lugar da memória como se fosse um arquivo de computador, só pra poder relembrar de cada detalhe na hora da necessidade, rsrs. Como sempre, um conteúdo memorável! Grande Abraço e Obrigado!

    • Olá Genival!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • neil

    Thanks for the mention – Neil Patel host of the Indian startup show , no1 in ITunes! http://www.indianstartupshow.com

  • Carlos Eduardo Garcia

    Mais um excelente artigo! Parabéns.

    • Olá Carlos!

      Muito obrigado por comentar e pelas palavras gentis! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Lucas Santos

    Fantástico Henrique… Obrigado!

    • Opa Lucas!

      Fico feliz que tenha gostado. Fique à vontade para participar das conversas aqui nos comentários do Viver de Blog, combinado? 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Henrique, creio que tenha faltado o plural na frase “(…) intenção de provocar o riso, seus efeitos são muito.”

    Ótimo texto aliás! Parabéns!

    • Opa Johnny!

      Obrigado por comentar e por contribuir com sua opinião 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Como sempre artigo de grande qualidade Henrique. Obrigada por compartilhar.

    • Olá Jeise!

      Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Jones Medrado

    Henrique Carvalho, o seu blog tem um sério problema… Não nos deixa ler só um post kkkkk Venho em busca de um conteúdo e acabo ficando horas kkk
    Meus Parabéns só conteúdo top!

    • ahaha Jones!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Maratona de artigos do Viver de Blog !

    A cada vez que releio um artigo fico louco com tanto conteúdo magnífico.
    A cada linha explorada uma nova informação a ser aprendida.
    A cada vez que releio os comentários mais e mais pessoas deslumbradas com este memorável blog.

    4 artigos lidos só hoje …

    Keep learning !

    • Opa Mauricio!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Alexandre Zanfolim

    Realmente seus artigos são magníficos, fáceis de entender e ricos em conteúdo. Este blog vem me ajudando muito em minha minha caminhada… Visitem meu blog, auxilio pessoas em ideias inovadores para um novo negócio de sucesso: http://goo.gl/ALQ8QR

    • Olá Alexandre!

      Obrigado pelo seu comentário. Fico muito feliz pelo Viver de Blog ajudar na sua jornada. 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Weslley Carneiro

    Os textos são sempre muito legais e me estimulam a praticar a escrita, mas o que me encanta mesmo são as imagens que vocês utilizam. Sempre minimalistas mas de impacto. Vocês tem alguém produz ou compram de um banco de imagens? Um abraço!

    • Olá Weslley!

      Fico muito feliz que estamos estimulando você a escrever. Maravilha! 🙂

      Nós contamos com a ajuda de um designer profissional que nos ajuda com toda a parte visual do Viver de Blog. 🙂

      Ele trabalha intercalando entre banco de imagens e criações de autoria própria e o software de trabalho é o Adobe inDesign.

      Abraços e sucesso.

  • O viver de blog representa o Brasil com profissionais como você Henrique Carvalho. Houve um tempo que consumíamos muito conteúdo de fora e hoje podemos nos orgulhar de termos conteúdos de qualidade!

    • Opa Gil!

      São esses feedbacks que nos estimulam a continuar produzindo conteúdos épicos! 🙂

      Muito obrigado por acompanhar o blog!

      Abração!

  • Everton Isaías

    Parabéns Henrique, seus conteúdos são épicos e únicos! Melhor blog de todos os tempos, parabéns mesmo! Um dia irei-te conhecer pessoalmente. Abraços!

    • Olá Everton!

      Muito obrigado por comentar! Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂

      Abraços e sucesso.

  • Leonardo

    Henriq

  • Fernanda Brandt

    Acessando pela primeira vez, lendo o primeiro artigo, e já posso afirmar que tem muita singularidade nesse blog.
    Ma ra vi lha! Em um mundo com tanto plural, ser singular e encontrar um singular é ótimo!
    Obrigada por compartilhar conhecimento 🙂

    • Boa Fernanda! Muito obrigado por comentar! Esta é uma excelente maneira de conseguirmos analisar se estamos caminhando na direção certa 🙂

      Abração!

  • Cleonir

    Muito bom! Sou médica e estou inviando a arte de escrever para levar informação para pacientes! Você inspira muito! Obrigada!

    • Maravilha Cleonir!

      Sempre prezamos pela excelência nos conteúdos que geramos no Viver de Blog e fico feliz demais quando esse trabalho serve de inspiração. 🙂

      Abraços e sucesso!

  • Very good.
    Adriano Santos, Apaixonado por e profissional na área de Adesivos de Parede, São Paulo – SP

    • OLá Adriano! Fico feliz que tenha gostado. Fique à vontade para participar das conversas aqui nos comentários do Viver de Blog, combinado? 🙂
      Abraços!

  • Camilla Viriato

    Sempre que eu vou começar a introdução de um artigo novo, recorro antes a este post que eu acho sensacional! Parabéns pelo conteúdo.

    Agora uma sugestão de uma dor que eu tenho – e alguns amigos da área também: a call to action… Eu adoraria ler um artigo “8 Exemplos de CTA Impossíveis de Serem Ignoradas”, kkkkk, fica a dica. Abraço!

  • Como sempre, Henrique, seus conteúdos são memoráveis. Como estou começando a trabalhar um micro nicho para ajudar pessoas, vou montar esse trabalho usando suas 8 dicas. Elas são simplesmente PRECIOSAS PÉROLAS. Abraços e sucesso!

    • Opa Luiz! Obrigadão pelo comentário e fico feliz por ter inspirado você! 🙂

      Tamo junto!

      Abração e sucesso!

  • Texto muito top, man! Show de bola!

  • Dicas ótimas Henrique!! Muito boas mesmo! Em minha última postagem, O que você precisa saber sobre Marketing de Relacionamento para sua marca pessoal -> http://naoesofoto.com.br/marketing-de-relacionamento-voce-deve-saber/ . Eu usei algumas das técnicas indicadas aqui no viver de blog! Estão me ajudando muito! Obrigado!

    • Opa Raphael! 😀

      Fico muito feliz que você esteja obtendo resultados positivos a partir dos ensinamentos dos nossos artigos man!

      Tamo junto e vamos nessa em busca do seu legado memorável!

      Abração e sucesso!

  • Fernanda SwingCertificado

    Parabéns excelente texto. Seu site já está nos meus favoritos, irei recomendar para a redação do
    jornal para uma pauta, gostei muito.

    Fernanda Araujo Swing
    Analista de programação e Rede social de Swing no jornal do povo

  • Henrique, você é um artistas e ensina a sua arte com grande maestria. Sucesso

    • Opa Ailton! Obrigadão man pelo feedback 😀

      Forte abraço e sucesso!

  • constance fifi

    Créditos especiais rápida e confiável entre pessoas físicas nas 48 horas

    Você quer ter crédito para quebrar o impasse que causou a bancos, pela rejeição de seus arquivos de pedido de empréstimo. Você deseja obter um crédito para a implementação dos seus projectos, para empreender suas atividades; Construção de suas casas; Casa ou apartamento; Compra Casa Etc ….. Oferecemos aos nossos empréstimos a pessoas com boa moral seriamente capazes de rembousser.
    Você estaria satisfeito no menor tempo possível. Você pode pagar por 3 a até 20 anos, dependendo da quantidade de occtroyer empréstimo. Cabe a você para pagamentos mensais com uma taxa de juros de 2%. Basta contactar o meu conselheiro financeiro no seguinte endereço:

    Email: [email protected]

  • Neusa Pires Gois

    Muito bom o seu trabalho! Impossível não aprender com ele! Com certeza vai me ajudar muito! obrigada!!!

    • Olá Neusa! Que bom que gostou e que compartilhamos conhecimento de valor para você! 🙂

      Obrigado pela leitura e feedback!

      Forte abraço!

Junte-se a mais de 150.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

2K Compart.
Compartilhar2K
Compartilhar54
Twittar
WhatsApp