close

Mais Receitas

Como ganhar dinheiro escrevendo textos: os 10 Mandamentos do Escritor Milionário

Henrique Carvalho Escrito por Henrique Carvalho em 12 de maio de 2021
Junte-se a mais de 250.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você gostaria de aprender a ganhar dinheiro escrevendo textos  através de aulas gratuitas sobre escrita?

Toda semana um conteúdo memorável sobre como viver da escrita estará a sua disposição nessa página: https://viverdeblog.com/aulas/

A primeira aula está disponível para você assistir aqui abaixo. Conheça os 10 princípios que um escritor deve seguir para ser bem-sucedido e ganhar dinheiro escrevendo textos.

Ao final dessa aula de hoje você terá em mãos o guia completo para iniciar seu caminho rumo à Escrita Milionária e ganhar dinheiro escrevendo.

Você vai conhecer os 10 mandamentos de um Escritor Milionário, baseado na minha jornada desde 2009 até hoje, estando capacitado(a) para ganhar dinheiro escrevendo:

  • Artigos
  • Posts em redes sociais
  • Livros
  • Páginas de vendas
  • Sequência de emails
  • Scripts para vídeos no Youtube
  • Scripts para centenas de palestras online e presenciais
  • Scripts para lançamentos.

Vamos a um resumo dos mandamentos mostrados na aula acima:

1.Bloqueio Criativo não existe

Já aconteceu com você? Encarar uma página em branco e não ter a mínima ideia sobre o que você vai escrever?

Você já ficou todo animado para escrever sobre seu tema favorito, mas na hora de começar, sua mente deu pane geral?

Ou até mesmo você tem muita dificuldade em ter ótimas ideias?

Preciso dizer que existe um mito ao redor da criatividade. Reza a lenda que escritores profissionais só escrevem quando a musa da inspiração aparece.

Porém, essa é uma visão limitada de escritores sem qualquer experiência no assunto, afinal, só é possível ganhar dinheiro escrevendo textos se você escrevê-los.

Imagine como seria a vida de um atleta profissional se ele só pudesse entrar em campo quando tivesse inspirado?

Não importa o que aconteça, durante um campeonato, esse jogador precisa estar em campo todos os domingos. Faça chuva ou faça sol.

O mesmo é necessário para um escritor profissional. Ele precisa praticar todos os dias, pois o GRANDE dia pode ser hoje, amanhã ou daqui um mês.

Se você trava na hora de escrever é porque está fazendo isso da forma errada.

Foi por isso que desenvolvi um método para você NUNCA travar ao encarar uma página em branco.

Chamo ele de método I.D.E.I.A:

  • I de: Incubação. A fase das pesquisas, anotando tudo de interessante que encontrar.
  • D de: Distribuição. É a hora de distribuir e organizar suas anotações.
  • E de Estruturação. Crie a estrutura do seu texto, os tópicos que você irá desenvolver.
  • I de Iluminação. Esse é o momento de misturar ideias até encontrar a espinha dorsal do seu texto.
  • A de Ação. Que é ação de Escrever. Revisar. Publicar.

Perceba que você só começa a escrever na parte da Ação.

Esse é o exato sistema que uso para nunca travar na hora de encarar a página em branco.

2. Nenhuma ideia é 100% original.

Todo trabalho de arte, assim como a escrita, possui referências. A maioria delas parece original apenas porque não é nada óbvia, quer ver?

O filme Star Wars, sucesso estrondoso de bilheteria, é uma faroeste que se passa no espaço.

E esse é apenas um exemplo, já que dos 100 filmes campeões de público e de faturamento, 74 são sequências e remix ou adaptações de livros, quadrinhos ou vídeo games.

Não é só no cinema que esse mix e remix acontece. Vários hits musicais usam a mesma sequência de acordes: C G Am F (dó, sol, lá menor, fá).

Logo, porque manter a crença de que precisamos criar algo do absoluto zero,para ganhar dinheiro escrevendo textos, quando nem os grandes gênios são capazes de fazer isso?

Quantos escritores não se espelharam em Cervantes, Shakespeare, Dante ou Homero e quanto será que esses escritores também não foram inspirados por grandes obras de seu tempo?

Você não precisa criar nada do ZERO. Apenas mixar (misturar) elementos.

Pegar elementos de uma única fonte é COPIAR.

Pegar elementos de várias fontes, misturá-los e colocar o seu ingrediente secreto é INOVAR.

3.Não se inspire para escrever. Escreva para se inspirar.

Esperar inspiração para escrever é coisa de amador.

Profissionais que focam em ganhar dinheiro escrevendo textos fazem isso TODOS os dias.

O amador espera pela inspiração. O profissional sabe que ela vai vir depois que ele começar.

Quando um amador teme um grande projeto criativo, ele espera até o medo desaparecer. O profissional age mesmo com medo.

O amador sonha com um início glorioso, o profissional não liga para isso. Ele sabe que isso nunca acontecerá e começa de qualquer jeito.

O amador põe culpa no azar, na adversidade ou na injustiça.

O profissional dança conforme a música.

O amador leva o fracasso ou sucesso como algo pessoal, ferindo seu ego. O profissional segue em frente, independente do que aconteça.

Ele abre mão do seu ego.

Somente se colocando em movimento você encontra a inspiração.

Enquanto a resistência reside no inferno, o flow da criação tem um lugar no céu.

4.Perfeccionismo é insegurança disfarçada

O medo da página em branco, de travar, de escrever lixo pode ser traduzido como:

  • Medo do julgamento: será que vão apontar dedos contra mim?
  • Medo da exposição: será que vão gostar de como eu sou?
  • Medo das críticas: será que farão críticas duras a mim?

Logo, todos estes medos inseguros se disfarçam de perfeccionismo. Mais uma vez reforço: não há como ganhar dinheiro escrevendo textos se você não escreve, nem publica.

“Não posso publicar esse texto, pois não está bom ainda”.

“Não exponho nenhum trabalho online porque preciso revisá-los primeiro”.

“Não tenho tempo para fazer uma pesquisa perfeita para não errar nesse texto.”

Perfeccionismo é insegurança disfarçada.

Sobre comentários negativos e haters:

Podem ter 99 comentários positivos e 1 comentário negativo. Qual chama mais atenção? O negativo.

Porém, alimentar energias negativas é se contaminar com elas. Só escute críticas legítimas.

Ou seja, não ouça conselhos sobre emagrecimento de alguém que está acima do peso.

Não ouça conselhos sobre riqueza e prosperidade de alguém que está afundado em dívidas.

Não ouça conselhos sobre escrita de quem nunca publicou um texto. É muito fácil criticar da arquibancada, já que não se tem nada a perder.

5.Não é uma decisão, sim é uma responsabilidade. Comprometa-se com sua escrita

Quando você acorda, a primeira coisa que faz é olhar o celular?

Seu celular está sempre pipocando notificações? Você passa mais de 2 horas por dia em redes sociais?

Treine dizer não para todas essas distrações que te impedem de escrever.

Dizer NÃO quando você não pode, não quer, ou não vê sentido no convite, é ser honesto a outra pessoa.

Dizer SIM quando você não pode, é um desserviço para ambos.

Sua atenção nunca será plena, pois estará pensando no que poderia fazer se tivesse dito não.

Quanto mais “não” você disser, mais poderoso será seu “sim”.

A real produtividade é bloquear seu tempo para o que é importante primeiro. Depois encaixe aquilo que a vida pede, mas que não estão na sua lista de prioridades. Se você deseja ganhar dinheiro escrevendo textos, essa deve ser uma prioridade na sua agenda.

6.Não é o fardo que está pesado, é o seu ombro que está fraco.

Autorresponsabilidade vem sempre em primeiro lugar.

Veja se você anda usando alguma dessas desculpas modernas para não escrever:

  • Sou CLT e meu trabalho me suga demais.
  • Tenho empresa e é muita correria.
  • Tenho filhos e preciso dar atenção para eles.
  • Não consigo criar uma rotina com a vida caótica que tenho.

Quem não quer dá desculpas, quem quer dá um jeito.

Não importa onde você esteja hoje, seu grau de instrução ou se sua vida começou com cartas boas ou ruins.

O que importa é o que você pode fazer para melhorar. PONTO.

Aceite que se o fardo está pesado é porque seu ombro ainda está fraco.

O mesmo problema para uma pessoa pode ter um grau de dificuldade nota 10 e para outra nota 2. Tudo depende de como ela enxerga esse desafio e possíveis soluções.

7.Escreva textos fortes, ativos e não fracos e passivos

Escrever textos fortes é corrigir textos fracos, eliminando ou melhorando:

Vícios mais comuns de linguagem

01) Gerundismo: uso excessivo do gerúndio

Não fique escrevendo (nem falando) no gerúndio.

Você vai estar deixando seu texto pobre e vai estar causando ambiguidade.

Com certeza, você vai estar deixando o seu conteúdo esquisito.

Vai estar ficando com a sensação de que as coisas ainda estão acontecendo.

E como você ainda vai estar lendo este texto…

Eu tenho certeza que você vai estar prestando atenção…

E vai estar repassando aos seus amigos, que vão estar entendendo e vão estar pensando em não estar falando desta “maneira irritante”.

02) queismo: uso do “que” em excesso

Planeje suas ações para que não haja prejuízo.

Planeja suas ações para não haver prejuízo.

Queria que você lembrasse.

Queria lembrá-lo.

03) advérbios em excesso. 

Ele fechou a porta com muita força.

Ele bateu a porta.

Seu quarto estava extremamente desarrumado.

Parecia que um furacão passou pelo seu quarto. (uso de metáforas).

04) Palavras gigantes (acima de 4 sílabas)

“Substituir” (4) x “Trocar” (2).

“Utilizar” (4) x “Usar” (2).

“Apresentar” (4) x “Mostrar” (2).

“Consequentemente” (6) x “Logo” (2) ou “Assim” (2).

“Possibilidade” (6) x “Chance” (2).

05) Palavras vampiras

“Podemos concordar com você em relação ao preço final”.

“Podemos concordar com você sobre o preço final”.

“Vou achar a solução de alguma forma”.

“Vou achar a solução.”

É importante notar:

Se não fosse importante, por que você escreveria sobre?

06) Excesso de aspas e reticências

Elas apenas sinalizam:

  • Preguiça do escritor.
  • Que o escritor cansou e não sabe como dar continuidade ao seu texto.
  • Não se preocupa com a revisão.

07) Excesso de “eu” no texto

Não é sobre você. É sobre quem está lendo. Troque:

“Eu vou te ensinar”. Por:

“Você vai aprender”.

8.Nunca edite enquanto você escreve

A escrita é uma atividade CRIATIVA.

Você está tirando ideias da sua cabeça e colocando em uma página em branco.

Porém, a revisão é uma atividade LÓGICA.

Você procura erros ortográficos, parágrafos confusos e ideias sem pé nem cabeça…

Toda vez que você para, corrige uma palavra, um trecho ou um parágrafo é uma ideia que morreu na sua cabeça.

Deixe ela fluir livremente até seu primeiro rascunho ficar pronto.

Separe bem o momento criativo de escrever do momento lógico de revisar. E seus textos ganharão velocidade, consistência e precisão, fundamentais para quem quer ganhar dinheiro escrevendo textos.

Misturar ambos como passar por quebra-molas em uma estrada de alta velocidade. Imagine você a 300km/h numa estrada rápida e segura. De repente, uma sequência de 5 quebra-molas.

9.Quantidade antes de Qualidade

O desafio do iniciante: acredita que seus textos precisam ser perfeitos para chamar atenção, mas esquece que a “perfeição” só chega com a prática.

No primeiro dia de aula um professor dividiu seus estudantes de fotografia em dois grupos.

Todos no lado esquerdo da sala de aula, ele explicou, são do grupo “quantidade”. Eles seriam classificados apenas pela quantidade de trabalho produzido.

No último dia de aula, ele classificaria o número de fotos enviadas por cada aluno.

Enquanto isso, todos no lado direito da sala estariam no grupo de “perfeição”. Eles seriam classificados apenas pela excelência de seu trabalho.

Somente uma foto era necessária durante todo o semestre, mas, para obter um 10, ela deveria ser uma imagem quase perfeita.

No final do semestre, ele ficou surpreso ao descobrir que todas as melhores fotos foram produzidas pelo grupo de “quantidade”. 

Durante o semestre, esses alunos estavam ocupados tirando fotos, experimentando a composição e a iluminação, testando vários métodos na câmera e aprendendo com seus erros.

No processo de criar centenas de fotos, eles desenvolveram suas habilidades. Enquanto isso, o grupo da “perfeição” ficou pensando sobre como seria a melhor foto.

No final, eles tinham apenas teorias não verificadas e uma foto medíocre.

É fácil ficar atolado tentando encontrar o plano ideal para a mudança.

Ao invés de só planejar e pensar, escreva pelo menos 100 textos sem se importar se eles são bons ou ruins.

10.Quanto mais você evoluir nas 5 CAMADAS da sua escrita, mais você pode ganhar dinheiro escrevendo textos

Uma triste estatística mostra que 76% dos redatores freelancer ganham dinheiro escrevendo textos, mas não passam de um salário mínimo por mês.

Eles ficam presos na 1ª camada da escrita, acreditando que escrever bem é um diferencial, quando na verdade é uma obrigação.

Essa crença torna impossível seu crescimento no vasto e rentável mercado da escrita, onde tantos outros ganham dinheiro escrevendo textos.

Somente desenvolvendo outras habilidades um escritor conseguirá ganhar mais pelos seus textos, o que chamo do método C.A.M.A.D.A, que refinei ao longo 10 anos escrevendo profissionalmente.

  • CAMADA 1) Compor Textos. Escrever bem. Saber escrever corretamente.
  • CAMADA 2) Arquitetar Ideias. Criatividade. Saber diferenciar suas ideias.
  • CAMADA 3) Mapear Histórias. Storytelling. Contar histórias.
  • CAMADA 4) Atrair Audiência. Marketing. Atrair audiência.
  • CAMADA 5) Direcionar Ação. Copywriting. Vender uma ideia / produto / serviço.

Esse é um conceito que exploro a fundo no meu treinamento Escritor Milionário, reservando 5 dos 15 módulos disponíveis apenas para essa metodologia.

Confesso que pra mim a virada de chave foi compreender a diferença entre escritores milionários e escritores que ganham menos de um salário mínimo.

Essa diferença está clara nas 5 camadas que poucos se preocupam em desenvolver e garantem um futuro muito mais promissor para o escritor.

Estamos começando um movimento gigante com um propósito claro: ajudar mais de 10 mil escritores a viverem da sua escrita.

Já estamos quase na metade desse caminho e sua participação nesse movimento é fundamental para crescermos juntos.

Isso é muito importante porque a escrita traz profundidade de conhecimento, ao invés de futilidades rasas.

Ela é uma lança afiada que precisa ser cirúrgica. Você não consegue escrever qualquer coisa, mas consegue falar qualquer coisa. A escrita te força a pensar.

Eu acredito que muitas pessoas não pensam antes de se comunicar levando a sociedade e ser mais imediatista, ansiosa e mais iludida.

A escrita reflete a profundidade de pensamento, já que cada pessoa precisou refletir muito para chegar naquelas exatas palavras, tendo revisado inúmeras vezes até conseguir finalizar seu texto.

Conto com vocês nessa jornada, lembrando que teremos aulas ao vivo todas as terças, às 19 horas, no Youtube.

Se você ainda não está cadastrado em nossa lista para receber os avisos dessas super aulas ao vivo, basta clicar aqui.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

  • Junte-se a mais de 250.000 pessoas

    Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

    >